A arte de modificar o corpo

Body modification (or body alteration) é a deliberada alteração do corpo humano, por qualquer motivo não-médico. São feitos em função de demandas estéticas, para o realce sexual, em ritos de passagem, motivos religiosos, ou para se mostrar aos membros do grupo ou afiliação, para marcar o corpo com arte, chocar os valores estabelecidos ou simplesmente como auto-expressão. Sua definição mais ampla inclui cirurgias plásticas, decoração socialmente aceitável (por exemplo, perfuração da orelha, o que é comum em muitas sociedades), e os direitos religiosos de passagem (por exemplo, a circuncisão em inúmeras culturas), bem como o moderno movimento primitivista.

São vários os tipos de modificação corporal, as quais se distinguem também entre as culturas. Tatuagem e implante ocular (implanta-se jóias no globo ocular), remoção voluntária de partes do corpo, tais como o pênis (penectomia), testículos (castração), clitóris, lábios ou mamilos; aumento do tamanho do pescoço usando anéis (na verdade ocorre a redução dos ombros). Alguns chegam a usar de outros métodos como a queima controlada ou cauterização do tecido, para proporcionar cicatrizes e a formatação do ouvido, com o eventual corte da orelha (a pessoa fica similar aos mitológicos elfos).

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Outras práticas de modificação corporal ocorrem como resultado final de alguma atividade cotidiana: o uso de corpetes para afinar a cintura, a ligação dos pés, costume proveniente da China em que os pés das mulheres eram quebrados e então pressionados como forma de se manter o pé pequeno.

Os pescoços esticados (às vezes também de outros órgãos) de mulheres entre os birmaneses da tribo Kayan, são resultado de usar bobinas de bronze em torno de seus pescoços. Esses anéis comprimem as costelas e a clavícula superior, mas não é clinicamente perigoso. É um mito que a remoção dos anéis fará com que o pescoço “caia”; as mulheres Padaung os removem regularmente para a limpeza.

A seguir, vídeo com o Homem Gato.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

8 Comentários

  • não consigo pensar em coisa mais ridícula, eu sei q cada um faz o q quer com o seu corpo mas, na boa, o q deve se passar na cabeça de uma pessoa q faz isso?

  • Eu não acho isso coisa do demônio, acredito na liberdade de expressão, cada um faz com o seu corpo que achar melhor, mas para a maioria das pessoas, isso chega a ser horrendo. eu não faço e nem faria isso com o meu corpo. Mas não tenho nenhum tipo de preconceito e contra essas pessoas. Somos todos iguais – bem não fisicamente rsrs.

  • EU FICO PENSANDO O QUE PASSA PELA CABEÇA DE UMA PESSOA DESTRUIR A IMAGEM TÃO LINDA QUE DEUS DÁ A CADA SER? A MENOS QUE A FEIURA DA ALMA DESSA PESSOA SEJE TÃO GRANDE, AO PONTO DELA ACHAR RELEVANTE A SUA ATUAL FORMA FÍSICA. COMO DIZ O DITADO GOSTO É IGUAL ….PI……. CADA UM TEM O SEU. NA MINHA OPINIÃO ISSO É FALTA DE OLHAR A VERDADEIRA ESSÊNCIA DO SER HUMANO. UMA PESSOA DESSA DEVIA PAGAR MULTA POR QUERER SE RIDÍCULO.

  • e muito engrçado como as pessoas conseguem se modificar e tão somente mudar de rosto com fomas mostruosa ,mais mesmo assim elas servem comolevar um susto ou como forma de admira-las achei da hora devemos fazer o que gostamos

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.