Uma porquinha é a dama de honra dessa mulher e acaba roubando toda a atenção

A noiva escolheu uma porca como dama de honra e a suína foi o centro das atenções.

Jovens casais sempre buscam formas de inovar as tradicionais – e repetitivas – cerimônias de casamento. Esta noiva foi um pouco além: ela escolheu uma porca como dama de honra e conseguiu realizar um evento totalmente diferente, fora dos padrões convencionais.

Quando a holandesa Hannah Devine se casou com o carpinteiro Glenn Devine, o casal não sabia o que esperar da cerimônia, mas tinha uma certeza: ela precisaria envolver o animal de estimação, uma porca atualmente com 20 meses de idade.

A dama de honra

A porquinha de estimação se chama Dave – o mesmo nome do suíno que fez sucesso no cinema. Na verdade, Hannah não pretendia ter Dave como dama de honra, apesar de estar imaginando um papel de destaque para a mascote da família.

Uma porquinha é a dama de honra dessa mulher e acaba roubando toda a atenção

Quando a data da cerimônia se aproximava, Hannah e Glenn ficaram sabendo que alguns parentes próximos, residentes na Inglaterra, não poderiam comparecer ao casamento. Entre eles, algumas primas, que ocupariam as posições das acompanhantes da noiva.

Surgiu então a ideia: já que as primas não estariam presentes na cerimônia, por que não colocar a Babe como dama de honra? Pode-se argumentar que foi uma ideia insólita (ou estapafúrdia), mas ninguém pode dizer que o casal não pensou “fora da caixa”.

Estranho, de mau gosto, original, criativo. As impressões sobre a participação da Babe no casamento foram as mais diversas, mas a porquinha se comportou com dignidade e elegância durante toda a cerimônia e a festa.

Uma porquinha é a dama de honra dessa mulher e acaba roubando toda a atenção

A imprensa local acorreu ao local da cerimônia. Todos queriam contar a história da porca – preferencialmente, de forma exclusiva ou em primeira mão. O casal reagiu naturalmente ao assédio, explicando as razões da escolha.

Hannah disse aos repórteres que, por causa da pandemia da Covid-19, muitos convidados declinaram o convite para o casamento. No caso dos parentes ingleses, caso eles saíssem do país, teriam de cumprir uma quarentena de 15 dias no retorno, o que inviabilizou a viagem.

Muitos amigos e conhecidos também não puderam testemunhar a união de Hannah e Glenn, por estarem impedidos de viajar ou por estarem voluntariamente cumprindo o distanciamento social imposto pela doença.

Uma porquinha é a dama de honra dessa mulher e acaba roubando toda a atenção

Os noivos disseram que as ausências foram notadas e lamentadas, mas, mesmo assim, eles queriam marcar a união de uma forma inesquecível. Babe ajudou a abrilhantar o evento – ninguém poderia imaginar uma porca caminhando até o altar e mostrando um tom solene durante o rito.

A porquinha foi um grande sucesso. Ela se manteve calma durante a cerimônia, posou sem problemas para as fotos e mostrou um comportamento digno de uma dama. Hannah tinha providenciado algumas frutas, caso Babe sentisse fome, mas ela não deu nenhum trabalho até o final da festa.

A história da Babe

Em geral, porcos são criados para o abate (ao contrário de algumas vacas, ovelhas e cabras, que são mantidas para a produção de leite). Os suínos fornecem carne, gordura e couro. Enquanto estão vivos, apenas os excrementos são aproveitados, como fertilizantes para a agricultura.

Babe, no entanto, escapou desta sina. Ela foi adotada por Hannah ainda filhote, deixou o meio rural e foi criada como se fosse uma cachorrinha. Na época do casamento, Babe tinha pouco menos de quatro meses – ainda era uma leitoa.

Uma porquinha é a dama de honra dessa mulher e acaba roubando toda a atenção

O casal, que se conheceu em uma viagem pelo mar do Caribe, quando decidiu partilhar a mesma casa, queria um animal de estimação, mas ambos tinham uma vida agitada. Um cachorro se ressentiria da ausência. Eles poderiam ter optado por um gato, mas escolheram um porco.

Atualmente, é um animal adulto, com quase 100 kg. Hoje em dia, não seria uma boa ideia escolhê-la para levar as alianças ao altar. Mesmo assim, Babe continua sendo paparicada por Hannah e Glenn.

Os porcos podem ser excelentes animais de estimação. Eles não costumam dar problemas com relação à higiene: fazem as necessidades nos locais ensinados e adoram tomar banho. Quem estiver pensando em adotar um, precisa saber que as fezes precisam ser embaladas rapidamente, por causa do cheiro forte, muito fétido.

Eles podem ser alimentados com legumes, verduras, grãos e frutas – quanto maior a variedade, melhor. Os porcos não devem receber alimentos humanos, nem os oferecidos para cães e gatos.

Existem algumas variedades de miniatura, que podem inclusive ser criadas em apartamentos. Os miniporcos atingem 20 kg de peso, acostumam-se facilmente a passear nas ruas com guia e coleira e, de acordo com os tutores, são muito amorosos e apegados à família.