Antes e depois: cachorro viraliza ao crescer e ficar com cara de mal-humorado

Fazem sucesso as fotos deste cachorro, que cresceu e ficou com uma cara muito mal-humorada.

Nunca se sabe qual será a aparência real de um cachorro quando ele se tornar adulto. Prova disso são as fotos de um animal que vive do outro lado do mundo, na Austrália. Quando era filhote, ele parecia fofo e simpático, mas depois ficou com uma cara muito mal-humorada.

As imagens vêm sendo postadas há pouco mais de um ano, no Facebook, por Suzanne Gilles, moradora de Balaklava, uma pequena cidade no sul da Austrália, distante cerca de 100 km de Adelaide. No início, as fotos mostravam um cãozinho simpático e amistoso.

cachorro-viraliza-ao-crescer-e-ficar-com-cara-de-mal-humorado
Créditos: Facebook / Suzanne Giles

A transformação

O cachorro, que recebeu o nome de Sox, finalmente cresceu. Ele é um imponente animal marrom, com o peito e as patas brancos – nisso, ele manteve as características da infância. O rosto, no entanto, mudou completamente: Sox parece estar sempre mal-humorado.

A tutora legendou as últimas fotos do animal já adulto mostrando a cara de poucos amigos. Ela escreveu: “Sox ficou assim depois de crescer. Passou de um cãozinho cheio de vida para um velho mal-humorado”.

Evidentemente, o mau humor de Sox se resume à fisionomia, que parece desagradável especialmente em fotos, onde não é possível desvendar o temperamento do cachorro. Ele continua sendo um animal divertido e amigável, que já conquistou toda a vizinhança.

Grumpy Cat

A cara mal-humorada de Sox lembra outro fenômeno da internet: a gata Tardar Sauce, que viveu no Arizona (EUA) de 2012 a 2019 e acabou se tornando uma celebridade no mundo virtual, justamente por causa da fisionomia.

Ela recebeu o apelido de “Grumpy Cat” (gata rabugenta) justamente por causa da aparência mal-humorada. Tardar Sauce era uma vira-lata, filha de uma gata tricolor e um gato malhado azul e branco.

Ela sofria de nanismo e foi mordida por um cachorro quando ainda era filhote, o que prejudicou bastante a aparência. A Grumpy Cat faleceu com quase dez anos, vítima de insuficiência renal, um problema relativamente comum entre os gatos.

Tardar Sauce nasceu com “um rosto achatado, olhos esbugalhados e cauda muito curta”, de acordo com a descrição da tutora. Apesar da aparência, ela tinha o comportamento esperado para uma gata.

A Grumpy Cat ficou famosa logo após o nascimento, depois que o irmão da tutora postou fotos no Reddit, mostrando a boca curvada para baixo, semelhante a um muxoxo pouco amigável. Ela se tornou tema de memes, relacionando o mau-humor felino a diversas situações negativas ou cínicas.

Tardar Sauce se tornou um grande sucesso. Ela recebeu, durante os quase dez anos de existência, 8,3 milhões de curtidas no Facebook. A gatinha era seguida por 2,6 milhões de internautas no Instagram e 1,5 milhão no Twitter. O seu canal no Youtube chegou a ter 150 mil assinantes.

O sucessor

Na versão filhote, Sox chega a esboçar um sorriso. À primeira vista, ele parecia que se tornaria um grande companheiro, sempre pronto para brincar e se divertir. A face adulta do cachorro, no entanto, pode até mesmo assustar os menos avisados.

cachorro-viraliza-ao-crescer-e-ficar-com-cara-de-mal-humorado
Créditos: Facebook / Suzanne Giles

Sox tem tudo para ser o sucessor de Tardar Sauce. A publicação de Suzanne, mostrando “o antes e o depois” – imagens do filhote e do cachorro adulto – já tiveram 24 mil interações no Facebook. As imagens foram compartilhadas mais de mil vezes e geraram 1,5 mil comentários dos internautas.

As reações ao jeitão mal-humorado de Sox são igualmente divertidas. O cachorro certamente ainda irá fazer muito sucesso na internet, divertindo milhões de usuários das redes sociais. Entre os comentários, podemos destacar:

“Isto me trouxe muita alegria. Não aguento parar de rir, obrigado.”

“Ele parece ter cinco filhos, uma hipoteca e ainda levou uma bronca no trabalho.”

“Sox é muito bonito. Ele não precisa ser simpático também, pode ter a atitude que quiser.”

Cachorros podem ser mal-humorados?

A fisionomia de Sox não significa que ele seja necessariamente rabugento. Na verdade, os internautas estão comparando o rosto do cachorro com expressões tipicamente humanas. Mesmo assim, algumas situações destroem o humor dos peludos.

Os cachorros também podem ter momentos em que se mostram ranzinzas e mal-humorados. Algumas raças, inclusive, são conhecidas pelo jeito pouco amigável. É o caso dos chihuahuas, pequineses, chow-chows e akitas. O pinscher miniatura é descrito (maldosamente) como 50% ódio, 50% tremedeira.

Mesmo assim, algumas situações podem estragar o humor dos cachorros. A principal delas é quando os tutores ignoram que eles existem. Naqueles dias mais tensos ou tristes, podemos esquecer nossos amigos e ignorar a presença deles – mas eles odeiam quando agimos assim.

Eles também não gostam de broncas desnecessárias (para eles, pelo menos). Não adianta ralhar com os peludos horas depois de uma arte, como xixi no lugar errado ou um canteiro meticulosamente desenterrado.

Cada cachorro tem personalidade própria e exibe o humor (bom ou ruim) do jeito que bem entende. Eles também têm maus dias, mas costumam compensá-los, esforçando-se por agradar. Viver com um cachorro é abrir uma caixinha de surpresas todos os dias.