Cachorra resgatada apresenta os filhotes para a mulher que a salvou

A cachorra deu à luz na casa nova e pôs os pequenos filhotes no colo da mulher que a salvou.

Uma cachorra adotada quando estava grávida revelou não apenas todo o amor, mas também a confiança despertada pela tutora, uma mulher de Utah (oeste dos EUA) que resgatou a peluda. Depois de dar à luz uma grande ninhada, ela fez questão de apresentá-los, pondo os filhotes no colo da tutora.

A gravidez, passada em grande parte nas ruas, e o trabalho de parto em que nasceram 11 cãezinhos devem ter sido experiências fortes para a cachorra. Mesmo assim, ela tem certeza de que a tutora está ao lado, para protegê-la – e igualmente protege a mãe adotiva de maneira incondicional.

cachorra-resgatada-apresenta-os-filhotes-para-a-mulher-que-a-salvou

Grayce e os filhotes

Grayce é uma cachorra da raça pitbull, considerada agressiva e violenta, mas é mais um exemplo de que a personalidade canina é influenciada muito mais pelo tratamento que recebe do que pela herança genética.

A cachorra tem um histórico de negligência e abandono. Ela sofreu maus tratos na casa em que vivia e provavelmente foi enxotada quando os antigos tutores descobriram a gravidez indesejada.

Esta é uma situação muito frequente, tanto nos EUA quanto no Brasil: tutores irresponsáveis não castram os animais, permitem o acesso livre à rua e, quando as fêmeas voltam grávidas, são expulsas ou abandonadas.

Stevoni Wells Doyle é uma estudante de Serviço Social na Universidade do Novo México que mora com a família em Santaquin (Utah, região americana das montanhas Rochosas), uma pequena cidade de pouco mais de sete mil habitantes fica a 100 km de Salt Lake City, a capital do Estado.

cachorra-resgatada-apresenta-os-filhotes-para-a-mulher-que-a-salvou

Três semanas antes do parto, Stevoni adotou a cachorra, a quem deu o nome de Grayce. Apesar de assustada e muito fragilizada, a pitbull sempre demonstrou ser dócil e amorosa. A peluda demonstrava gratidão pelo resgate e acolhimento.

Finalmente, chegou o esperado momento do nascimento. Dias antes, Grayce se mostrou mais agitada, circulando rapidamente pela casa, tentando encontrar o lugar ideal para acomodar os filhotes que já anunciavam a chegada.

A cachorra deu à luz 11 cachorrinhos. Enquanto eles nasciam, a mãe dedicada lambeu-os um a um. Quando o trabalho de parto chegou ao fim, depois de algumas horas de expectativa, Grayce carregou a ninhada para perto da tutora.

Ela depositou os filhotes no colo de Stevoni, que, entre surpresa e comovida, foi recebendo os cãezinhos com muito cuidado. A cachorra estava demonstrando claramente que a tutora era o principal referencial para ela: se alguém podia cuidar bem da ninhada, esse alguém tinha de ser Stevoni.

A tutora ficou realmente emocionada com o gesto de Grayce. Mais tarde, ela declarou à imprensa local que, ao longo da vida, ela já cuidou de muitas mamães e ninhadas, mas era a primeira vez que uma cachorra trazia os filhotes diretamente para o colo dela.

cachorra-resgatada-apresenta-os-filhotes-para-a-mulher-que-a-salvou

É possível que Grayce se sentisse insegura em relação à ninhada – dez machos e uma fêmea – e não soubesse muito bem o que fazer com os cãezinhos. O certo é que ela demonstrou a confiança que deposita na tutora.

Foi uma recompensa muito maior do que Stevoni poderia imaginar. Desde criança, ela sempre se preocupou com os animais e fazia questão de cuidar pessoalmente dos cães e gatos da família. Resgatar animais em risco ou abandonados faz parte da rotina, mas o “prêmio” concedido por Grayce superou todas as expectativas.

Os 11 cãezinhos ainda estão sendo amamentados pela mãe, que está se mostrando ainda mais dependente da tutora desde que a ninhada nasceu. Stevoni pretende cuidar pessoalmente da adoção de cada um deles, para impedir que eles sejam encaminhados a lares irresponsáveis.

Grayce tem lugar cativo na casa dos Wells. Assim que desmamar os filhotes, ela será castrada e terá ainda muitos anos de vida para desfrutar ao lado da tutora. Certamente, ela oferecerá muitos outros momentos emocionantes para Stevoni e a família.

As cachorras, em geral, não têm o hábito de partilhar as suas ninhadas: muitas escondem os filhotes e até se mostram agressivas quando alguém se aproxima. O gesto de Grayce, de partilhar os cãezinhos com a tutora, revela um amor incondicional, que apenas os cachorros são capazes de sentir.

Veja o vídeo: