Algumas curiosidades sobre o sono

Neste artigo divertido, veja algumas curiosidades sobre o sono e como dormir e acordar melhor todos os dias.

Em 1965, Randy Gardner então com 17 anos, ficou 11 dias sem dormir para determinar o máximo que uma pessoa conseguia ficar sem pegar no sono. A loucura quase o deixou com problemas neurológicos, além de muito mau humorado e delirante. Essa experiência só provou que o sono é algo muito importante para o ser humano, e não dormir é um risco a vida.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Neste artigo, você verá algumas curiosidades sobre o sono e sua importância na vida do ser humano. Se você anda dormindo mal, leia este artigo e busque o mais rápido possível, formas de ter um sono regenerador e acorde mais saudável e feliz.

Veja também:

O corpo durante o sono

Durante o sono nosso cérebro recarrega suas forças além de nosso corpo, trabalhando a memória entre outros sentidos. Além disso é nessa hora que nossas células se renovam e reparam qualquer defeito e hormônios importantes para nossa sobrevivência são liberados.

Sonâmbulo criminoso

As pessoas sonâmbulas são aquelas que mesmo dormindo, levantam e fazem atividades diárias como lavar uma louça e até comer. A relatos de pessoas que chegam a trabalhar cortando lenha ou indo trabalhar, mas os casos mais preocupantes, são de pessoas que cometem crimes enquanto dormem. Muitos criminosos sociopatas, mesmo sonâmbulos violentam mulheres e comentem homicídios.

Posições e cores

Para dormir, a posição mais comum é a fetal, aquela que os bebês mantêm dentro da barriga da mãe até nascer. Essa posição é a mais comum em 41% dos casos. A outra posição bem comum é a de lado ou com os dois braços a frente, entre 15% e 13% respectivamente e a menos comum é a estrela do mar com braços e pernas abertos e que apenas 5% das pessoas dormem assim.

Quanto as cores, a maioria das pessoas sonham a cores, sendo que 12% da população mundial sonha em preto e branco.

Quanto mais novo, mais sono

Dados recentes comprovaram que bebês dentro da barriga da mãe, dormem praticamente o tempo todo, apenas tendo momentos acordados quando já está próximo do nascimento. Enquanto somos bebês, dormimos muito, por volta de 16 horas em recém nascidos e bebês até 3 meses.

Conforme vamos amadurecendo, esse tempo vai diminuindo, sendo que a partir dos 3 ou 4 anos, começamos a dormir de 10 a 8 horas por noite até os 55 anos. A partir daí o sono fica mais curto, não descansando mais do que 6 horas diárias.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.