Quem são os Sikhis?

Sikhismo é uma religião monoteísta fundada durante o século XV na região do Punjab, por Guru Nanak Dev e continuou seu desenvolvimento com dez gurus sikhs sucessivos. É a quinta maior religião organizada no mundo, com mais de 30 milhões de sikhs e um dos mais constantes crescimentos. Seu sistema de filosofia religiosa e de expressão tem sido tradicionalmente conhecido como o Gurmat (literalmente “dos gurus”) . Punjab, na Índia, é a única região no mundo com uma população sikhi mojoritária.

Sikhs são ensinados a incorporar as qualidades de um “Sant-Sipahie” (Santo-soldado). É preciso ter controle sobre os próprios vícios internos e ser capaz de estar constantemente imerso em virtudes esclarecidas no Guru Granth Sahib, seu livro sagrado. Um sikhi deve também ter a coragem de defender os direitos de todos aqueles que são injustamente perseguidos ou oprimidos, sem distinção de religião, cor, casta ou credo.

As crenças principais dos sikhs são a justiça e a fé no seu único Deus. O sikhi defende a busca da salvação através da meditação pessoal sobre o nome e a mensagem de seu Deus. O livro sagrado que contém todos os ensinamentos dos Sikhi é o Guru Grant Sahib Ji, que foi composto pelos primeiros cinco gurus do Sikhismo e pelo nono guru e ainda alguns “santos” do hinduísmo.

Adeptos do Sikhismo são conhecidos como os sikhs (estudantes ou discípulos) e são mais de 26 milhões em todo o mundo. A maioria dos sikhs vivem em Punjab, na Índia, embora haja uma diáspora significativa.

Abaixo veja imagens de um templo Sikhi em Nova Délhi.

3 comentários em “Quem são os Sikhis?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *