Como fazer atualização Azbox World?

Todos nós queríamos viver em um mundo em que não se precisasse de dinheiro. Em que pudéssemos abastecer o carro, fazer as compras do supermercado, jantar em um restaurante e apenas agradecer, saindo em seguida. Com esse sentimento, quem não gostaria de assistir a todos os canais pagos de TV, sem desembolsar nenhum centavo? Tem muita gente fazendo isso com o Azbox World que mesmo sendo driblado, acaba voltando à ativa através de uma atualização. Mas afinal, como fazer uma atualização Azbox World e assistir aos canais fechados gratuitamente, como em um passe de mágica?

Existem no mercado inúmeros decodificadores de sinal de TV via satélite que utilizam códigos de desbloqueio do sistema de transmissão da empresa Telefônica.

O Azbox World, que recebe e transmite os sinais da Telefônica, sem cobrança de assinatura, é um dos equipamentos mais comercializados para este fim.

Como ninguém gosta de perder dinheiro, a empresa está trocando seus cartões de acesso para uma nova tecnologia, que, segundo eles, impedirá o desvio de sinal. Essa não é a primeira vez que a empresa tenta evitar o desvio de sinal, porém, em todas as vezes anteriores, os crackers (piratas da internet), obtiveram sucesso, liberando novamente o sinal.

Quando cria códigos de bloqueio, a operadora consegue concentrar a transmissão apenas para seus aparelhos, porém, rapidamente, são criados códigos para desbloqueio, que devem ser baixados da internet e inseridos no decodificador, através de pen drive ou cabo de rede.

Embora a questão sobre “roubo” de sinal seja ambígua, conservando adeptos que acreditam não estar roubando nada nem ninguém, uma vez que o sinal está aí, no ar, à espera de alguém que o utilize, também existem pessoas contrárias à prática, por entenderem que, se o serviço é oferecido de forma paga, quem utiliza de forma gratuita está lesando o proprietário do sinal.

Há um projeto de lei tornando essa prática criminosa. Em caso de aprovação, utilizar desse artifício será crime. Enquanto a lei não proíbe que os Azworld sejam comercializados e usados, quem possui um decodificador deve continuar mantendo seu Azworld atualizado para que o aparelho não perca sua utilidade.

Afinal, sabermos que certo não é, mas também não temos notícias de usuários que tenham sido presos por isso, uma vez que crime é a distribuição do sinal sem autorização da Anatel e não a recepção. Porém, como não há traficante sem usuário de drogas, se não houver clientes, não haverá a pirataria.

Nesse sentido, embora não haja incentivo de nossa parte para a utilização do decodificador, acreditamos que fica a cargo do leitor tirar suas próprias conclusões sobre o assunto.

Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

5 Comentários

Comente

Quer ser avisado(a) de novas publicações?
CURTA NOSSA PÁGINA para não perder os próximos 😉