Como ajudar seu filho a emagrecer

Obesidade infantil pode causar muitas doenças. Ajude seu filho a emagrecer saudavelmente.

Há pessoas que acham crianças gordinhas uma graça. E são mesmo. O problema é que atrás de tanta fofura uma série de doenças estão prontas para se manifestarem. Cada vez mais vemos crianças sofrendo dos males dos adultos. Hipertensão, diabetes e colesterol elevado são algumas delas. Desde cedo inclua bons hábitos na dieta dos seus filhos e ajude-os a manter a forma ou emagrecer. Veja como fazer isso lendo o texto a seguir:

– Não invente uma dieta para seu filho. Para isso existe o pediatra que irá lhe orientar acerca de uma reeducação alimentar. Simplesmente cortar alimentos que você julga que estão engordando a criança poderá causar uma série de deficiências nutricionais. Cada caso é um caso e é preciso que o especialista avalie as causas da obesidade;

– Elabore um cardápio variado e, sobretudo, saudável para seus filhos. Diariamente é indicado comer três porções de frutas e três porções de legumes e verduras.

Contudo, variar é fundamental. Sempre as mesmas coisas no prato não contribuem para uma boa ingestão de nutrientes. Se a família não possui o hábito de comer verduras e frutas, está mais do que na hora de incluir essa nova rotina nas refeições. Dê o bom exemplo, pois as crianças adoram imitar os pais;

– Salgadinhos, bolachinhas recheadas e refrigerantes são os grandes vilões causadores da obesidade infantil. Qual mãe nunca chegou em casa e se deparou com o filho sentado na frente da TV atracado em algum petisco calórico e gorduroso? Em primeiro lugar, determine o horário certo de cada refeição. Depois afaste os vilões da vida do seu filho, já que eles se tornam verdadeiros vícios. Inclua, aos poucos, barrinhas de cereais, frutas e sucos naturais;

– Acostume seu filho a beber mais água. Ensine-o a levar sempre na mochila uma garrafinha para matar a sede e evitar, com isso, o consumo de refrigerante;

– Computador e televisão tornam as crianças sedentárias e obesas e mais sujeitas às doenças. Portanto, é hora de estimulá-los a gastar energia. Matricule seu filho na natação, lutas marciais ou em qualquer outro esporte com o qual ele tenha identificação;

– A família toda deve ajudar quando a criança está em dieta. Não adianta nada você se empanturrar com uma fatia de torta de chocolate, enquanto seu filho precisa restringir as guloseimas. Mudem os hábitos alimentares e a família toda sairá ganhando.

Além dos problemas de saúde, as crianças gordinhas tendem a sofrer com piadinhas na escola. As notas caem, a insegurança aumenta e chega um momento em que ir à escola passa a ser um tormento. Analise o comportamento do seu filho veja se ele não passando por uma situação dessas.

Hábitos saudáveis contribuem para uma excelente qualidade de vida. Passe esses valores para seus filhos.

Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Quer ser avisado(a) de novas publicações?
CURTA NOSSA PÁGINA para não perder os próximos 😉