Síndrome de Diógenes – Pessoas com obsessão por guardar coisas

Muitas são as pessoas que têm alguma dificuldade quando precisam se desapegar de coisas, objetos e lembranças passadas. Algumas dessas pessoas são acometidas pela Síndrome de Diógenes. Embora não hajam critérios claros para afirmar quem possui a síndrome, ela se caracteriza pela obsessão que certos homens e mulheres têm por guardar objetos.

A síndrome é reconhecida quando a obsessão torna-se visível. Casas de pessoas “acumuladores” são abarrotadas por caixas e mais caixas de itens diversos e, na maioria das vezes, sem nenhum uso.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Esse tipo de transtorno faz com que as pessoas que, dele, sofrem guardem objetos de forma desordenada e excessiva. Causa-lhes angústia a própria idéia de ter que se livrar de alguma das coisas que guarda.

Existem casos extremos em que foram encontradas casas tão cheias de tralha e lixo que a proliferação de animais como ratos, baratas e aranhas é gritante. Pessoas que convivem, diariamente, com esse tipo de situação são expostas a perigos e não se sentem confortáveis em suas próprias residências. Há casos de filhos de “acumuladores” que precisaram sair de casa, pois, não havia mais espaço para eles: tudo era lixo.

Um caso registrado no Brasil, em São Paulo, relata a vida de uma mulher cuja casa tinha tanto lixo que ela passou a morar dentro do carro – que, também, era coberto de coisas acumuladas. Essa mulher foi dada como desaparecida e, quando a acharam, descobriram que vivia há dias dentro de seu carro.

O nome da síndrome é uma referência ao filósofo grego, do século IV a.C., Diógenes de Sínope – ou Diógenes, o Cínico – que passou a viver como um mendigo, desfazendo-se de todos os seus bens, em um barril de madeira. Diógenes buscava descobrir o que era preciso para encontrar a felicidade e, para isso, passou a se desapegar de tudo aquilo que não lhe fazia, verdadeiramente, feliz – o contrário do que ocorre com aqueles que sofrem da Síndrome de Diógenes.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

4 Comentários

  • tenho pessoa na familia que sofre dessa sindrome. Mas apesar de se tratar de uma pessoa inteligentissima, consciente das atitude tomada pela suas economia (sempre foi uma pessoa que gosta de economia, era uma ex-bancária, que sofreu a perda do emprego do banco e constatei que isto desenvolveu logo apos a sua demissao do banco (há mais de 20 anos

  • Claudinha, muito bom! pena que É VERDADE!Somos tão passageiro……e quem ou alguém vai ter que, muito a contragostoLIMPAR!!!
    Sabe-se lá o que se passa ,no coração, destas pessoinhas.O quê a leva a…….
    Desgosto, pouca estima,falta de algo a se ocupar, amigos
    Beijos de LUZ e,
    total, desapego A COISAS!
    mas, carinho a gentes, bonitos, conforto .Muito carinho, lilian

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.