Saliva de morcego pode ajudar vítimas de AVC

Uma nova pesquisa está sendo realizada no campo da medicina. Pesquisadores britânicos estão fazendo testes com a saliva de morcegos-vampiros para o tratamento de vítimas de acidente vascular cerebral (AVC) – vulgarmente conhecido como “derrame cerebral” – que é caracterizado pela rápida perda da função neurológica em decorrência do entupimento ou rompimento de vasos sangüíneos cerebrais.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Especialistas do Hospital da Universidade de North Staffordshire estão desenvolvendo um medicamento à base de uma proteína encontrada na saliva destes morcegos. O remédio tem a função de ajudar na dissolução de coágulos no cérebro que sofreu um AVC.

A saliva dos morcegos-vampiros começaram a ser pesquisadas após estudiosos terem verificado que, ao abocanhar suas vítimas, o sangue delas torna-se fino o suficiente para que os morcegos possam sorvê-lo.

Duas pessoas que sofreram acidente vascular cerebral já receberam o medicamento que está sendo considerado um dos maiores avanços no tratamento de AVCs nos, pelo menos, últimos vinte anos.

A droga feita com a saliva dos morcegos-vampiros recebeu o nome de desmoteplase e pode ser dada aos pacientes até nove horas após o AVC ter ocorrido – diferente dos demais medicamentos que somente surtem efeito de dissolver os coágulos se dados às vítimas dentro de quatro horas após o derrame.

Se todos os testes forem bem sucedidos, este remédio poderá entrar em circulação regulamentada dentro de três anos, o que seria uma ótima notícia para todos aqueles que já sofreram derrame; é o que diz Christine Roff, pesquisadora da Universidade de North Staffordshire.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.