Os restaurantes mais toscos do mundo

Ser atendido por macacos garçons, pedir o prato da casa e recebê-lo numa travessa em forma de privada, jantar rodeado de gatos... Sim, nós temos a lista dos lugares mais toscos - pra dizer o mínimo - onde você poderia fazer uma refeição.

Sair para comer em um restaurante com proposta diferente e ousada pode ser o máximo – ou se transformar numa verdadeira roubada. Isso porque algumas pessoas querem inovar tanto que acabam exagerando e caindo na “tosquice”. Veja alguns exemplos de restaurantes que quiseram inovar e acabaram na lista dos mais toscos do mundo.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Café des Chats

Até as pessoas que amam animais, assim, de paixão, podem querer pensar duas vezes antes de fazer sua bela refeição nesse café parisiense. Isso porque o lugar é famoso por ser o lar de dezenas (sim, dezenas) de gatos. Lá não vale nem perguntar se o pelo na sopa é de um deles, vai soar deselegante. Até porque não vai ter apenas um pelo, mas sim VÁRIOS pelos (quem tem gato em casa, mesmo que apenas um, sabe que a premissa é verdadeira).

Taverna Kayabukiya

Nesse restaurante é difícil saber quem é mais doido, o dono ou o cliente que aceita jantar lá e ser servido por macacos de smoking – que mimam os comensais com toalhas quentes no rosto antes das refeições e anotam os pedidos de bebidas em troca de grãos de soja como gorjeta. E você achava ruim pagar os 10% da taxa de serviço…

Heart Attack Grill

Ah, os Estados Unidos, o único país do mundo onde os gordinhos são os melhores clientes. Não é a toa que lá fica o único restaurante do mundo que oferece uma refeição grátis para os que pesam mais de 175 quilos. Mas nem vai dar tempo de pesar tudo isso se você comer muito por lá, já que os pratos do cardápio (que possui itens como “batatas fritas engordantes” e “marcapasso burguer duplo”) te ajudam a bater o nome do restaurante rapidinho (heart attack = ataque cardíaco)…

Restaurante Ninja

É muito legal ver ninjas fazendo todos aqueles movimentos, girando nunchakus etc. em filmes de cinema, mas será que é tão bacana ter um deles servindo sua água enquanto rodopia? Ah, é no mínimo cafona, vai, já que nem orientais eles são! Sem contar que já é duro o suficiente ser visto por um garçom de um restaurante normal…

Dan le noir Paris

Desse com certeza você já ouviu falar: um restaurante parisiense no qual o cliente come no escuro absoluto, sem enxergar a comida. É como comer em casa em dia de apagão, só que lá você ainda paga – e caro – pra ficar no escuro e sem velas. Dizem que a proposta é aguçar o paladar, mas a gente acredita que a única vantagem é poder palitar os dentes à mesa sem passar vergonha…

Lainio Snow Village

O restaurante Lainio Snow Village, na Finlândia, é quase inteirinho de gelo – exceto a parte do fogão, onde fica o fogo (dã!). Lá você come totalmente encapotado pra não passar frio, tem que sentar num banco encapado com pele de bicho pra não congelar o traseiro (qual o atrativo desse lugar?) e ainda não pode reclamar se a comida chegar fria…

The Lock Up

Esse restaurante é todo ambientado como uma cela de prisão – na verdade o lugar foi projetado para ser locação de seriados sobre prisões. A proposta do lugar é proporcionar ao (preso) cliente a sensação de estar em uma cadeira elétrica, prestes a degustar sua última refeição. Detalhe: as bebidas são servidas em seringas. Precisa dizer mais alguma coisa?

Barbie Café

A gente acredita que a foto por si só é suficientemente esclarecedora sobre o motivo desse restaurante de Taiwan estar na lista, mas vamos lá: tudo rosa, tudo da Barbie, garçonetes usando roupas e tiaras das princesas, pratos com nomes temáticos – nosso estômago até embrulhou. Sem contar que parece que alguma criança vomitou Pepto Bismol nas paredes…

Disaster Café

Nesse restaurante espanhol os clientes degustam suas refeições ao mesmo tempo em que experimentam a sensação de estar em um terremoto de magnitude 7,8. Sim, tudo, tudo chacoalha e treme enquanto você come. Se é que isso é possível. E se é que é possível a comida permanecer no estômago depois da “experiência” toda. A fachada do restaurante parece serena, mas o slogan já avisa: um lugar perigoso…

The Magic Restroom

E por último, mas não menos importante – ou menos tosco -, o restaurante “banheiro mágico”. O lugar, todo decorado como um banheiro, não poderia ter seus pratos servidos de outra forma que em travessas com formato de privada. Até aí ok, as travessas são bonitinhas, mas o que pesa é que a comida vem em formatos e cores muito sugestivos. Tão sugestivos que a gente acha que tira o apetite. Bom, perfeito para as pessoas que sonham em comer caca do mesmo lugar onde fazem caca…

achou bonitinho?

e agora?

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.