Conheça alguns santos incorruptíveis

Conheça alguns santos da igreja católica que seus corpos não entram decomposição.

Quando estavam vivos eram pessoas muito caridosas, frequentavam a igreja e buscavam estar sempre em redutos de pobreza. Eram tementes a Deus, faziam intensos jejuns e faziam milagres que a ciência não consegue explicar. Além disso, existem relatos de fenômenos como “bilocação”, onde podiam aparecer em dois lugares ao mesmo tempo. Possuíam dons de profetizar fatos e acontecimentos. Faziam curas de cegueiras, surdez, fala e outros problemas de saúde. Alguns tinham visões divinas, viam Jesus Cristo e sua mãe Maria, além de conversar com outros santos e anjos. Sabiam o dia de suas mortes, e deixavam tudo preparado.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Após a morte, seus corpos permanecem intactos, sem se decompor e sem exalar mau cheiro, da mesma forma e aparência de quando estavam vivos.

A ciência não consegue explicar, vários estudiosos já pediram os corpos para estudo e mesmo assim não conseguem uma explicação cabível para tais fenômenos. É evidente que são excluídas as mumificações, as saponificações e outros processos químicos de preservação dos corpos dos mortos, pois seriam incorruptos artificiais.

Os corpos parecem estar dormindo, possuem um odor de rosas, diferentemente do cheiro normal de putrefação. Alguns casos, os corpos chegam a sangrar e estão com a circulação nas veias normalmente. Os órgãos internos, as vísceras e os tecidos carnosos, estão todos eles intactos, sãos, húmidos e elásticos.

Seus corpos estão expostos em igrejas, museus e catedrais históricas da igreja católica, podendo ser vistos por qualquer pessoa. Alguns estão expostos à séculos e desafiam a todos por manter a mesma aparência. A Igreja Católica tem mais de 2.000 corpos incorruptos.

Um dos casos mais intrigantes é a da santa portuguesa Santa Bernadete Soubirouspois que nasceu no dia 7 de Janeiro de 1844. Além de seu sangue ainda circular nas veias, o seu fígado está em perfeito estado de conservação (vale lembrar, que o fígado é o primeiro órgão á se decompor, após o falecimento de uma pessoa). O corpo de Santa Bernadette repousa na capela de Nevers em Portugal desde 3 de agosto de 1925. Ela faleceu no dia 16 de abril de 1879.

Outro caso inexplicável e muito recente, pois ele viveu no século passado, é o caso das chagas do padre italiano Pio de Pietrelcina nasceu que nasceu no dia 25 de Maio de 1987. Seu corpo se encheu de chagas que sangravam abundantemente e diariamente. As chagas estavam localizadas nos mesmos lugares que as de Jesus Cristo em sua morte de cruz. As chagas se localizavam nos pés, nas palmas das mãos e na costela. Seu corpo também está incorrupto e se encontra para exposição pública na cripta da Igreja de Santa Maria das Graças na cidade de San Giovanni Rotondo na Itália.

Veio a falecer no dia 23 de Setembro de 1968.

São Vicente de Paulo nasceu no dia 24 de Abril de 1581. Um dos santos que mais fizeram caridade em toda a história da igreja também está com o corpo incorrupto. Criador da sociedade São Vicente de Paulo, uma sociedade de caridade que se espalhou pelo mundo inteiro, inclusive tendo adeptos no Brasil, os chamados “Vicentinos”. Seu corpo se encontra para exposição no convento das “Irmãs da Caridade” em Paris.

Veio a falecer em 27 de Setembro de 1660.

São casos muito polêmicos e até certo ponto assustadores. A igreja prefere não divulgar muito esses casos. Mas diz que são milagres de Deus para provar a sua grandeza perante o homem.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

2 Comentários

  • Na Igreja Católica existe o milagroso número de 2.000 corpos incorruptos de Santos, em perfeito estado, muitos deles falecidos há séculos, sem que tenha havido mumificações, saponificações ou qualquer outro processo químico de preservação, Essa
    conservação natural praticamente só existe na Igreja Católica e é tida como decorrente da vida virtuosa dos seus mártires e santos, cujas obras e milagres são reconhecidos no mundo inteiro. É de salientar que não se trata de crença alicerçada apenas no fenômeno da preservação, mas conjugada com a fantástica quantidade de 2.000 corpos.

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.