PRONATEC 2014 – cursos gratuitos

A ideia é formar mão-de-obra em cursos técnicos gratuitos. Descubra o que é o PRONATEC.

O PRONATEC – Programa Nacional de Ensino Técnico e Acesso ao Emprego foi criado pelo governo federal em 2011, para expandir a oferta de cursos tecnológicos gratuitos. Até o final de 2014, o Ministério da Educação (MEC), órgão gestor do PRONATEC, promete investir um total de R$ 14 bilhões e chegar à marca de oito milhões de estudantes matriculados em cursos profissionalizantes, em mais de 400 áreas de conhecimento. Até agora, o programa acumula 6,9 milhões de inscritos e 4,6 milhões de pessoas moradoras de mais de 3.200 municípios já foram beneficiadas. Um milhão de alunos, no entanto, deixou as vagas conquistadas.

pronatec-2014-cursos-gratuitos

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

O PRONATEC visa atingir três grupos: estudantes no fim do ensino médio, jovens e adultos em busca de melhor qualificação profissional e beneficiários do programa de distribuição de renda “Brasil sem Miséria” em busca de capacitação técnica.

Os interessados em uma vaga do PRONATEC 2014 podem procurar informações sobre cursos gratuitos nas secretarias estaduais de educação. Para cursos de qualificação profissional, os trabalhadores podem acessar o site do Ministério do Trabalho e Emprego ou nos postos de atendimento do SINE – Sistema Nacional do Emprego.

Onde são ministrados os cursos?

Em primeiro lugar, é preciso verificar se na região de residência do candidato são oferecidos cursos gratuitos na área de seu interesse. Os cursos profissionalizantes são ministrados nas 403 escolas técnicas federais espalhadas pelo país, em parte das escolas técnicas estaduais e nas instituições do Sistema “S”: o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC), o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT).

Podem se inscrever no PRONATEC 2014 os alunos concluintes do ensino médio, pessoas recém-dispensadas do serviço militar obrigatório, trabalhadores desempregados e beneficiários de programas sociais oficiais. Há políticas de afirmação social para negros e indígenas e seus descendentes. As vagas são oferecidas em cursos técnicos, de educação inicial e continuada e também em cursos livres de curta duração.

Os cursos

Os cursos técnicos gratuitos do PRONATEC 2014 seguem a classificação em eixos tecnológicos organizada pelo MEC. São eles:

– Ambiente, Saúde e Segurança: agente comunitário de saúde, análises clínicas, biotecnologia, citopatologia, controle ambiental, cuidado de idosos, enfermagem, equipamentos biomédicos, estética, farmácia, gerência de saúde, hemoterapia, imagem pessoal, imobilizações ortopédicas, massoterapia, meio ambiente, meteorologia, necropsia, nutrição e dietética, óptica, órteses e próteses, podologia, prótese dental, radiologia, reabilitação de dependentes químicos, reciclagem, registros e informações de saúde, saúde bucal e vigilância em saúde;

– Controle e Processos Industriais: análises químicas, automação industrial, eletroeletrônica, eletromecânica, eletrônica, eletrotécnica, manutenção automotiva, manutenção de aeronaves em aviônicos, manutenção de aeronaves em célula, manutenção de aeronaves em grupo motopropulsor, manutenção em máquinas pesadas, mecânica, mecânica de precisão, mecatrônica, manutenção metroferroviária, máquinas navais, metalurgia, metrologia, petroquímica, processamento de madeira, química, refrigeração e climatização, sistemas a gás, sistemas de energia renovável e soldagem;

· Desenvolvimento Educacional e Social: alimentação escolar, biblioteca, infraestrutura escolar, ludoteca, multimeios didáticos, orientação comunitária, produção de material didático bilíngue (linguagem brasileira de sinais – Libras/ português), secretaria escolar, tradução e interpretação de Libras e treinamento de cães-guia;

– Gestão e Negócios: administração, comércio, comércio exterior, contabilidade, cooperativismo, finanças, logística, marketing, qualidade, recursos humanos, secretariado, seguros, serviços de condomínio, serviços jurídicos, serviços públicos, transações imobiliárias e vendas;

– Informação e Comunicação: computação gráfica, informática, informática para a internet, manutenção e suporte em informática, programação de jogos digitais, redes de computadores, comutação, sistemas de transmissão e telecomunicações;

– Infraestrutura: técnico aeroportuário, agrimensura, carpintaria, desenho de construção civil, edificações, estradas, geodésia e cartografia, geoprocessamento, hidrologia, portos, saneamento, trânsito, transporte aquaviário, transporte de cargas, transporte dutoviário, transporte metroferroviário e transporte rodoviário;

– Militar: ações de comandos, armamento em aeronaves, artilharia, artilharia antiaérea, cavalaria, combate a incêndios, resgate e prevenção de acidentes na aviação, comunicações aeronáuticas, comunicações navais, controle de tráfego aéreo, desenho militar, eletricidade e instrumentos aeronáuticos, equipamentos de engenharia, equipamentos de voo, estrutura e pintura de aeronaves, forças especiais, fotointeligência, guarda e segurança, hidrografia, infantaria, informações aeronáuticas, manobras e equipamentos de convés, material bélico, mecânica de aeronaves, mergulho, montanhismo, navegação fluvial, operação de radar, operação de sonar, operações de engenharia militar, preparação física e desportiva militar, sensores de aviação, sinais navais, sinalização náutica e suprimentos;

– Produção Alimentícia: agroindústria, alimentos, apicultura, cervejaria, confeitaria, panificação, processamento de pescado, viticultura e enologia;

– Produção Cultural e Design: arte circense, arte dramática, artes visuais, artesanato, canto, cenografia, composição e arranjo, comunicação visual, conservação e restauro, dança, design de calçados, design de embalagens, design de interiores, design de joias, design de móveis, documentação musical, fabricação de instrumentos musicais, instrumento musical, modelagem de vestuário, multimídia, museologia, paisagismo, processos fonográficos, processos fotográficos, produção de áudio e vídeo, produção de moda, publicidade, rádio e TV e regência;

– Produção Industrial: açúcar e álcool, biocombustíveis, calçados, celulose e papel, cerâmica, construção naval, curtimento, fabricação mecânica, impressão offset, impressão rotográfica e flexográfica, joalheria, móveis, petróleo e gás, plásticos, pré-impressão gráfica, processos gráficos, indústria têxtil e vestuário;

– Recursos Naturais: agricultura, agroecologia, agronegócio, agropecuária, aquicultura, cafeicultura, equipamentos pesqueiros, flores, fruticultura, geologia, mineração, pesca, recursos minerais, recursos pesqueiros e zootecnia;

– Segurança: defesa civil e segurança do trabalho;

– Turismo, Hospitalidade e Lazer: agenciamento de viagem, cozinha, eventos, guia de turismo, hospedagem, lazer e serviços de restaurante e bar.

Os cursos técnicos profissionalizantes do PRONATEC são definidos de acordo com as necessidades locais (por exemplo, os voltados para a prospecção e extração de petróleo são ministrados em regiões com poços ou refinarias); isto garante maior empregabilidade para os alunos após a conclusão dos estudos. Todas as vagas abertas estão relacionadas no site pronatec. Todas as informações, pré-requisitos e uma breve descrição das atividades de formação e qualificação estão disponibilizadas neste portal eletrônico.

O PRONATEC é um programa de qualificação profissional permanente. As inscrições são abertas de acordo a formação de novas turmas, o que pode ocorrer nos finais dos semestres e, para os cursos de educação inicial e continuada, em qualquer época do ano. Um exemplo disto foi o PRONATEC Copa, que recebeu mais de 160 mil matrículas para cursos de idioma, lazer, gastronomia, etc.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.