Pelé: Completa 72 anos nesta Terça-Feira

O rei do futebol completa 72 anos nesta Terça- Feira dia 23 de Outubro

O rei do futebol e considerado o melhor jogador de futebol de todos os tempos, o Pelé, completa 72 anos nesta terça-feira dia 23 de Outubro. Esse ícone do Brasil no mundo e maior celebridade mundial do esporte, considerado pelo jornal francês L’Equipe como o atleta do século XX em todos os esportes. É um recordista em sua carreira, fez 1281 gols em 1363 partidas, considerado como o maior artilheiro do futebol mundial e único jogador a vencer três copas do mundo.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

A seguir um resumo da vida e da carreira de Pelé

Edison Arantes do Nascimento nasceu no dia 23 de Outubro de 1940 na cidade de Três corações no estado das Minas Gerais. Filho de Dona Celeste Arantes e de João Ramos do Nascimento, mais conhecido como seu “Dondinho”.

Mudou-se para a cidade de Bauru no estado de São Paulo em 1945. A origem de seu apelido surgiu quando tinha três anos, pois o pequeno Edison ia assistir os jogos do pai que jogava na posição de goleiro do time mineiro do São Lourenço e o pequeno garoto a cada defesa de seu pai gritava: “Defende Bilé”, e os adultos começaram a chamar o garoto que gritava assim de Bilé, mas as crianças não conseguiam dizer Bilé mas tinham maior facilidade de dizer Pelé, então o apelido acabou “pegando” e o pequeno Edison começou a ser chamado de Pelé.

Na cidade de Bauru atuou em times pequenos até que foi descoberto por um famoso ex-jogador Waldemar de Brito, que o levou para Santos em 1956, para fazer testes na equipe do Santos futebol Clube, onde foi aprovado. Sua estréia pela equipe do Santos foi num jogo treino contra a equipe de Cubatão, o Santos venceu por 6 x 1, sendo que Pelé marcou 4 gols, mas esta partida não foi considerada oficial, então esses gols não foram contabilizados em sua carreira.

O primeiro jogo oficial aconteceu realmente numa partida em que o Santos enfrentou a equipe do Corinthians de Santo André, onde o Santos ganhou por 7 x 1 com um gol de Pelé.

A partir daí ninguém imaginaria que aquele franzino jogador faria coisas excepcionais no futebol e que marcariam o mundo com seus recordes e seu talento fora de série.

Conquistou tudo o que um jogador de futebol poderia e gostaria de conquistar. No total, conquistou em sua carreira 36 taças, sendo pelos Santos: 2 títulos mundiais de clubes, 1962 e 1963 e 2 libertadores da América, também em 1962 e 1963, além de 6 campeonatos brasileiros, 10 campeonatos paulistas, 4 torneios Rio- São Paulo, 1 Supercopa Sulamericana dos Campeões Intercontinentais e uma recopa dos campeões intercontinentais.

Conquistou um título na equipe do Cosmos nos Estados Unidos, liga Norte-Americana de Futebol em 1977.

Foi artilheiro do campeonato paulista em 11 oportunidades, sendo 9 consecutivas. Foi ainda artilheiro da Libertadores da América (em 1965, com seis gols), da Taça Brasil por três vezes (1961, 1963 e 1964) e do Torneio Rio-São Paulo em 1963. Apesar de tantos campeonatos como artilheiro, nunca conseguiu ser artilheiro numa Copa do Mundo.

Pela seleção brasileira conquistou as Copas do Mundo de 1958, 1962 e 1970, Copa Rocca, 1957 e 1963, Copa Oswaldo Cruz, 1958, 1962 e 1968, Taça Bernardo O’Higgins, 1959.

Encerrou a carreira em 1974 num jogo entre Santos venceu a Ponte Preta por 2 x 0.

Ficando assim marcado na memória dos brasileiros e do mundo e definitivamente na história do esporte mundial.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

2 Comentários

  • Realmente o Edison Arantes do Nascimento foi e é uma persanalidade sem igual no mundo e o Pelé tambem é sem igual e mesmo assim(talvez porque nunca aceitou fazer propaganda de cigarros e bebidas e não fazer o jogo dos cartolas) não tem o reconhecimeto merecido que outros que fizeram muito menos pelo Brasil que ele divulgou pelo mundo. Talvez quando morrer é que vão fazer as homenagem que deveriam fazer em vida como diz uma musica de Nelson Gonçalves “Quando eu me chamar saudades”.

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.