betale depositum med lån | forbrukslån | forbrukslånhjelpen

Países que reconhecem legalmente a união civil e o casamento entre pessoas do mesmo sexo

Há estudos que demonstram, claramente, que a união entre pessoas do mesmo sexo existe, em muitas culturas, desde o princípio da humanidade. Era comum, na Grécia e na Roma antiga, uniões desse tipo bem como as uniões entre pessoas de sexo diferentes. Já houve um tempo, inclusive, em que comunidades cristãs reconheciam a união entre dois homens sob o nome de Adelphopoiesis. Na Ásia Antiga, haviam o Casamento Fujian e o Casamento das Orquídeas de Ouro que representam, respectivamente, a união entre homens e a união entre mulheres. Em tribos africanas, também são relatados vários casos de uniões desse tipo.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Com os anos, a união entre pessoas do mesmo sexo passou a ser vista, cada vez mais, com maus olhos e proibida na maioria dos países. Preconceito e discriminação fazem parte dessa história triste onde pessoas que querem se unir legalmente precisam lutar para terem suas relações reconhecidas. Entretanto, essa história já está mudando e existem alguns países que reconhecem legalmente todos os tipos de união entre pessoas. Confira abaixo:

Países que reconhecem legalmente o casamento entre pessoas do mesmo sexo:

– África do Sul
– Argentina
– Bélgica
– Canadá
– Espanha
– Islândia
– Noruega
– Países Baixos
– Portugal
– Suécia
– Estados Unidos (Connecticut, Iowa, Massachusetts, Nova Hampshire, Vermont, Washington, Nova York)
– México (Cidade do México)

Países que reconhecem o casamento entre pessoas do mesmo sexo internacionalmente:

– Aruba
– Antilhas
– Israel
– Estados Unidos (Nova York)

Países que reconhecem legalmente a união civil entre pessoas do mesmo sexo:

– Andorra
– Alemanha
– Áustria
– Brasil
– Colômbia
– Dinamarca
– Equador
– Eslovênia
– Finlândia
– França
– Hungria
– Irlanda
– Luxemburgo
– Nova Zelândia
– Reino Unido
– República Checa
– Suíça
– Tasmânia
– Uruguai
– Algumas regiões dos Estados Unidos e do México

É sempre importante manter acesa a discussão para que preconceito e discriminação de quaisquer tipos possam ser extirpados de todas as mentalidades e que seja prevalecente a razão e a igualdade entre as pessoas.

Informação: No último domingo (24.07), uma cerimônia coletiva aconteceu em Nova York, nos Estados Unidos, onde que foram celebrados os primeiros casamentos, na cidade, entre pessoas do mesmo sexo (foram 823 casais). Na primeira foto que ilustra o artigo, podemos ver o prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, oficializando a união entre Jonathan Mintz e John Feinblatt; na segunda foto, é mostrada a união oficial entre Phyllis Siegel e Connie Kopelov.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.