Modelos de recibos: como fazer

Saiba como fazer recibos passo a passo.

Ainda hoje, é comum fazer negócios apenas oralmente. Isto, no entanto, é um perigo. Como diz um velho ditado, “o combinado não sai caro”. Sempre que as transações envolverem dinheiro, é preciso usar recibos: eles são os comprovantes do pagamento. Aprenda como fazer.

modelos-de-recibos-como-fazer

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Um recibo simples é a prova de que uma pessoa ou empresa recebeu certa quantia por um produto ou por um serviço prestado. É possível encontrar blocos de recibos em papelarias, mas quando eles são usados apenas raramente, é uma despesa que pode ser evitada.

Os comerciantes e prestadores de serviços podem usar estes talões, que têm a vantagem de virem com um canhoto; assim, o recibo é entregue ao pagante e o controle dos gastos pode ser controlado no próprio bloco. Mas as anotações de um negócio em uma folha de papel qualquer têm valor legal, desde que alguns dados estejam indicados.

Como fazer recibos simples

Para compra e venda, a redação é a seguinte: “Recebi do Sr. (ou nome da empresa), brasileiro, residente e domiciliado (no caso de empresas, a redação fica “com sede”) na cidade de ……, na Rua ……, nº ……, CEP ……, telefone ……, a quantia de R$ …… (valor por extenso), referente à venda de ……, de minha propriedade, dando-lhe por este recibo a devida quitação.”

Para prestação de serviços, bastam algumas alterações: “Recebi do Sr. (ou nome da empresa), brasileiro, residente e domiciliado (no caso de empresas, a redação fica “com sede”) na cidade de ……, na Rua ……, nº ……, CEP ……, telefone ……, a quantia de R$ …… (valor por extenso), referente ao serviço realizado por mim de ……, dando-lhe por este recibo a devida quitação.

Em ambos os casos, os recibos devem conter a cidade em que a transação foi realizada, a data do recebimento e a assinatura do recebedor. Em muitos casos de negócios, não é necessária a presença de testemunhas na emissão dos recibos. No caso de envolver importâncias maiores, como o sinal de pagamento para um carro ou imóvel, aconselha-se que duas pessoas maiores de idade também assinem o documento.

Como fazer recibos de aluguéis

O locatário de um imóvel tem o direito de receber os recibos de seus pagamentos mensais. Neste caso, as testemunhas não são necessárias.

O recibo deve indicar se o imóvel é residencial ou comercial e se outros valores foram incluídos no pagamento, tais como contas de luz, água, gás, telefone, IPTU, etc. Caso alguma outra quantia tiver sido paga a qualquer título (como pinturas ou reformas), isto deve vir especificado.

Um recibo de aluguel precisa conter o nome, RG, CPF e endereço do locador, o valor pago (R$ …… e também por extenso), o nome, RG, CPF e endereço do locatário), o mês e ano de referência do aluguel, as datas de vencimento e de pagamento e a assinatura do locador. Caso o imóvel esteja em uma imobiliária, o recibo deve indicar o nome da empresa, CNPJ e o responsável pela locação.

É preciso guardar os recibos?

De acordo com o Código Civil brasileiro, recibos simples e comprovantes precisam ser guardados pelo tempo de prescrição da dívida. Para a maioria dos casos, incluindo contas de consumo, mensalidades, serviços bancários, etc., este prazo é de cinco anos.

Na internet

No site www.meurecibo.com, é possível encontrar modelos de recibos para várias transações. Basta preencher os dados do emissor, do cliente e do próprio recibo. No caso de empresas, pode ser inserido o logotipo. O site oferece também modelos de notas promissórias e vales comerciais.

O YouTube também disponibiliza vídeos tutoriais sobre como fazer recibos. Nos vídeos abaixo, é mostrado o passo a passo de diversos modelos (o último deles mostra como fazer um recibo no Microsoft Excel):

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.