Melhores vinhos internacionais

Para os apreciadores, os melhores vinhos internacionais.

Para encarar as baixas temperaturas que estão chegando, nada mais apropriado do que uma boa taça de vinho, acompanhada de queijos, massas ou sopas. A verdade é que o vinho, quando apreciado corretamente, cai bem em qualquer situação. Mas como saber qual o melhor vinho na hora de comprar? Muitos vão pelo preço, e é bem verdade que na categoria dos internacionais os valores são progressivamente elevados de acordo com a qualidade do produto.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

De qualquer forma, seu valor pode ser compensado no sabor e na qualidade. Na linha dos vinhos importados, difícil apontar o melhor em definitivo. Mas vale lembrar que, tradicionalmente os vinhos importados da França, Portugal e Itália estão no topo. O francês Baron de Argnhac é bom por unanimidade. Dificilmente quem gosta de vinho não se encanta com este. Outro destaque fica na safra de 1998, com o Merlot Chateau Clarke Cru Bourgeois Listrac.

Os portugueses também estão entre os melhores, um exemplo é o Incógnito Safra 2000, produzido com a uva Syrah e que já foi agraciado com o título de melhor vinho do ano pela revista nacional Gula. E não é a primeira vez que Portugal elege o melhor vinho com essa uva. Em 2008, o prêmio foi para o Palmela Syrah.

Há, ainda, o italiano Sassicaia, reconhecido mundialmente pela qualidade altíssima; ou o também premiado chileno Casa Lapostolle Clos apalta Colchagua Valley 2005. E a Argentina não fica atrás, destaque para o branco Catena Alta Chardonnay. Por fim, a Alemanha também mostra seu valor, especialmente nas produções da região de Baden-Wurttemberg, como o Dyade52 Lemberger 2007 Conosseur´s Choice, feito com a uva Lemberger, pouco difundida no Brasil.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.