Lençóis Maranhenses: lagoas entre dunas

Situados no litoral leste do Estado, os Lençóis Maranhenses reúnem dunas altas e lagoas de água doce.

O Polo Parque dos Lençóis está próximo a quatro cidades do Maranhão: Humberto de Campos, Primeira Cruz, Santo Amaro e Barreirinhas, principal acesso ao Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, uma reserva de 155 mil hectares às margens do rio Preguiças, criada em 1981. No parque, distante 260 quilômetros da capital São Luís, é possível apreciar dunas de até 40 metros de altura ao lado de lagoas de águas verdes e azuis.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Como o vento obriga o constante movimento das dunas, a paisagem não para de sofrer alterações. Os Lençóis Maranhenses são semelhantes a um imenso deserto, exceto pelas chuvas abundantes da região, que determinam a formação das lagoas. O panorama dá ao viajante a sensação de estar num oásis. As principais lagoas são a Azul e a Bonita, excelentes para um banho refrescante. O melhor é reservar um dia inteiro para visitar cada uma destas lagoas. É importante excursionar sempre com guias treinados, pois o parque é bastante rústico e praticamente desabitado.

Na bagagem de quem visita os Lençóis Maranhenses, não pode faltar água, medicamentos, lanterna, chapéu, óculos escuros, roupa de banho, câmera fotográfica e trajes leves e claros.

Na região, as chuvas se concentram de janeiro a julho. No período da seca, as lagoas chegam a secar completamente. A vegetação é um misto de floresta, cerrado e caatinga, um conjunto único no mundo. Durante a época da cheia, as lagoas são o hábitat de peixes, crustáceos, pequenas tartarugas, jacarés, veados, pacas e diversas aves migratórias. Um dos encantos da região é que, quando as lagoas se enchem novamente, os animais voltam a ser vistos, como se nunca tivessem saído dali.

Quem visita os Lençóis Maranhenses não pode deixar de conhecer Caburé, na foz do rio Preguiças, onde vários restaurantes oferecem comida regional, Mandacaru, uma vila de pescadores dotada de um farol de 50 metros que permite uma visão indescritível das dunas, e as praias de Barreirinhas: Tatu, Moitas, Morro do Boi, Ponta do Mangue e Vassouras, cujo acesso é feito de barco.

Mas a atração principal são as dunas. Todas as manhãs, partem jipes para os Lençóis Maranhenses. Para chegar, é preciso atravessar o rio Preguiças e seguir 25 quilômetros continente adentro. A temperatura é alta o ano todo, por isso, quando for, abuse do protetor solar. Para compensar, o vento constante e a água gelada das lagoas são os melhores refrescos para o visitante, e o pôr-do-sol nos Lençóis é um espetáculo deslumbrante.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.