HTC Ultimate, arrisca com Windows Phone

Apostando no Windows Phone, o Ultimate é o gigante da HTC

Em parceria com a Microsoft, a HTC integrou o sistema operacional Windows Phone 7.5 Mango ao Ultimate. A proposta é clara, criar uma alternativa em smartphones para concorrer com os com iOS e Android. A tela é de 4,7 polegadas e resolução de 480 x 800 pixels, tornando os menus amplos e os textos bem dispostos. O processador é de um núcleo com 1,5 GHz de clock e a memória interna é de 16 GB. Mas sem entrada para cartão de memória.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Conhecido como Titan fora do Brasil, o Ultimate possui a difícil tarefa de concorrer com processadores dual core, como o A5, o Snapdragon S3 e o Tegra 2, já presentes em smartphones Android e iOS. Mas a seu favor está um circuito de processamento gráfico que merece destaque, o Adreno 205. Aliado a isso está uma quantia modesta de memória RAM, apenas 512 MB.

Quando analisados separadamente, esses números não impressionam, mas considerando o conjunto, o Ultimate se mostra acima do esperado. Graças ao alto clock do processador, tarefas como navegar na internet, rodas jogos ou reproduzir vídeos, são executadas com fluidez e sem engasgos. A integração com o software é excelente, tornando este smartphone comparável aos tops de linha do mercado.

Maior que a falta de dois núcleos é a escassez de memória do Ultimate. O aparelho possui 16 GB de memória interna e por não possuir entrada para cartões, isso pode ser pouco para os que usam o smartphone como central multimídia. A conectividade do Ultimate fica com uma porta microUSB e uma entrada P2 para os fones de ouvido, como as portas físicas. A lista é completada com 3G, Wi-Fi n, A-GPS e Bluetooth 2.1.

O sistema operacional do Ultimate é um ponto de destaque. O Mango possui um visual mais amplo e limpo, organizado em listas e menus grandes. A interface conta com diversas animações, que se apresentam com boa fluência e sem travamentos e os ícones abrangem bem a tela de 4,7 polegadas.

O Mango garante ainda boa usabilidade e menus bastante intuitivos, mas acaba limitando a customização do tema. Existe a possibilidade de fixar aplicativos no ambiente de trabalho ou agrupá-los em uma categoria, mas alterar ícones ou planos de fundo não é possível.

Com preço sugerido de R$ 1.799, o HTC Ultimate é um ótimo smartphone, com boas funcionalidades e elegante, mas uma das desvantagens de utilizar o Windows Phone é a falta de opções de aplicativos, o que não ocorre com os concorrentes iOS e Android.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.