Hoteis Iglus – uma nova e diferente forma de hospedagem

Parece que os hotéis Iglu estão se tornando cada vez mais populares e as opções para quem quer aproveitar essa diferente forma de se hospedar não param de crescer. A mais recente novidade é o Iglu-Dorf, um hotel que oferece vilas de iglus em sete lugares em Andorra, Suiça e Áutria. O que diferencia esse tipo de hotel dos outros é o fato de que eles tem que ser reconstruídos todo ano e para essa tarefa utilizam mais de 3,000 toneladas de pedras de gelo dos Pirineus e dos Alpes.

A história desse hotel começou com a ideia maluca de um snowboarder que pensou em passar a noite em um iglu para que pudesse ser o primeiro a chegar nas encostas no dia seguinte. Parece que para os snowboarders, ser o primeiro é motivo de grande orgulho e por essa razão, o rapaz resolveu construir seu próprio iglu para se certificar de que ninguém mais teria a chance de ser o primeiro a descer a montanha. Sua ideia deu tão certo que as pessoas começaram a procurá- lo para se hospedar no seu iglu. Tanto que na estação seguinte, ele construi dois, depois três e assim sucessivamente, surgindo assim o Iglu Dorf, até que atualmente são construídos 12 deles a cada ano, em diferente locais na Europa.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

No início, os iglus eram feitos na forma tradicional, como os Inuits (ou esquimós) fazem, mas isso demandava pelo menos 5 homens que trabalhavam durante duas semanas para construir um iglu bem pequeno. Além disso, os iglus só podiam começar a funcionar no final de Janeiro. Para acelerar o processo eles tiveram a ideia de pegar grandes balões, cobrí-los com neve e esperar que eles endurecessem. Depois, era só esvaziar os balões que eles conseguiram iglus perfeitos. Não só isso, para que os iglus se transformem em hotéis perfeitos, eles contratam artistas que entalham no gelo os móveis, a decoração e tudo mais para deixar o lugar com cara de hotel. Hoje, o trabalho dura duas semanas, mas os iglus são bem maiores, comparados com os primeiros que foram feitos.

Apesar do Iglu-Dorf oferecer cômodos aquecidos com uma estufa (ou forno), a maior parte deles está equipada somente com sacos de dormir,sendo necessário que se leve bastante roupa de frio. Durante a noite a temperatura cai e para se aquecer, você pode experimentar uma fonte de fondue de queijo ou mergulhar numa banheira quente construída direto na neve. Os preços no Iglu Dorf variam de 99 euros por noite, chegando a 439 euros no ano novo. Não é a opção mais barata disponível, mas se você puder, aproveite essa experiência inesquecível que vai fazer valer cada centavo gasto. Olhe as fotos e julgue por você mesmo.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

2 Comentários

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.