Homossexualismo: O que a ciência diz sobre esse assunto

Um estudo científico recente revela que o homossexualismo está relacionado a um distúrbio genético.

Um assunto extremamente polêmico, o fato é que ninguém tem uma opinião correta ou coerente sobre este assunto tão presente na humanidade, afinal de contas, o homossexual é um doente? Ou um ser sem pudor, alguém que não respeitas as normas principais da moralidade humana? Estas são as principais suposições das pessoas. Mas o que realmente acontece, é que a ciência está empenhada em descobrir o que certifica se o indivíduo vai ser um homossexual ou não.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

O homossexualismo está muito presente na humanidade desde os primórdios da sua evolução. São observados também muitos casos de homossexualismo no reino animal, logicamente que estes casos são excepcionais, mas se percebe homossexualismo em seu meio. É verossímil que em alguns casos, o individuo é sem moral e tem um comportamento pederasta por uma mera falta de respeito à ética ou por um gosto ou curiosidade proposital, sem a atração física e a necessidade que relatam os homossexuais considerados “assumidos”.

O que causa espanto é que ainda na fase de crescimento ou na própria infância, o indivíduo já apresenta fortes indícios de homossexualismo. Estes indícios são de fatos mais notáveis nos homens. Nos meninos o modo de falar é diferente, é uma voz suave e muito parecida com a de uma menina, o modo que se locomove também é diferente, seus andar é desajeitado, os passos não são firmes, os braços ficam mais abertos, nas meninas, somente na adolescência é possível notar alguma mudança estranha, a voz fica mais grossa, o comportamento e as atitudes são masculinas, os trejeitos todos são idênticos a de um menino, como se a sensibilidade e a fragilidades típicas das adolescentes estivessem sendo misturadas ou substituídas pelas sensações e os desejos dos meninos adolescentes. Um estudo recente afirmou que fatores genéticos podem causar o à atração do indivíduo por pessoas do mesmo sexo. Esta tese confirma as características de homossexualismo ainda na infância.

Na Grécia antiga, o homossexualismo era aceito, e até mesmo considerado, como uma forma amorosa superior ao heterossexualismo. Na cultura judaico-cristã, foi interpretado como comportamento pecaminoso e assim em todo o ocidente, passou a ser visto como socialmente inaceitável e mesmo sujeito a punições. O fato é que hoje existe um grande preconceito em relação ao homossexual, mas grandes avanços foram acontecendo no decorrer da evolução, em alguns países inclusive o casamento civil é reconhecido como união legal, no Brasil, o direito de herança do parceiro homossexual foi reconhecido na prática. Graças à união dos homossexuais em todo o mundo, criando associações, fazendo protestos e levando milhares de pessoas as ruas.

Um estudo científico recente revelou que o homossexualismo está relacionado a um distúrbio genético, não quer dizer que é uma doença. Este recente estudo foi considerado um avanço no estudo da origem do homossexualismo. Considerado um fator importante para os cientistas descobrirem a essência desse fenômeno. Não somente e humanos, mas também no reino animal.

Mas o que realmente importa é o respeito à liberdade de cada indivíduo, não devemos julgar uma pessoa por sua escolha sexual. Isto não é correto, agindo assim estaremos regredindo nosso pensamento. O que devemos aprender é a conviver como ser civilizado e diferente cabe a Deus o julgamento do comportamento das pessoas. Acredito que o homem está em pleno processo de evolução e este raciocínio de respeito às diferenças será respeitado em toda a sua essência num futuro bem próximo.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

3 Comentários

  • Aqueles que acham que ser homossexual é uma doença ou uma blasfêmia, são pessoas ignorantes que não aceitam o ”ser diferente”. Hoje em dia, infelizmente existe o preconceito, mesmo numa civilização onde todos, a toda hora, convivem com pessoas diferentes… Só porque ”aquele” gosta de um meninos ou ”aquela” ta apaixonada pela amiga, é considerado um ser que esta indo contra Deus…. Como disse ali em cima: Na Grécia antiga, o homossexualismo era aceito, e até mesmo considerado, como uma forma amorosa superior ao heterossexualismo” Então porque o ser humano não aceita de uma vez conviver com isso? Assim como conviver com negros, asiáticos e etc… ? Gostaria de estar viva pra ver como vai ser o nosso futuro.. Será que isso vai chegar ao ponto dessas pessoas ignorantes aceitarem? Bem que podia né….. Eu tenho diversos amigos e amigas, uns gays, outras lésbicas e os trato com respeito e com muito companheirismo… Não sou lésbica, mas respeito assim como gosto de ser respeitada… 🙂

  • ‘E muito simples, se o espirito ‘e feminino no corpo de homem , sera então um homosexual e vice-verça, que geralmente vem acompanhado com os hormônios mais potencializados para o sexo oposto.
    So’ que isso ninguém fala por motivos religiosos e por não ter comprovação cientifica ainda.

  • Realmente entendo esta diferença embora ache um ato extremamente violento quando é feito entre homens e nojento entre as mulheres,reconheço que existe e que cada um tem o direito de fazer das suas vidas o que bem entender de fazer,desde quando fiquem bem longe daqueles que pelo seu livre arbítrio de escolha não queiram ver tais senas.
    Outra coisa eu não concordo é que a curiosidade ou a procura do proibido e más influencias esta levando muitos jovens héteros a manter este tipo de sexo pelo simples fato de ser uma coisa atualmente aceitável na sociedade como normal, é por isso que hoje o numero de homens que fazem sexo com os dois sexo esta um numero tão alarmante,

    Também não concordo com a ideia de que uma pessoa que tem nojo de tal ato seja obrigada a aceitar ver duas pessoas do mesmo sexo se beijando se esfregando como animais no cio no ambiente onde pessoas normais que se respeitam sejam obrigadas a ver este tipo de afronto, e não tenham o livre arbítrio de se negar a ver tais coisas que aos olhos de pessoas contrárias a tais atos,fazendo nos sentir extremamente constrangidos e com nauseais.
    É uma polemica ao meu ver pois o livre arbítrio é para todos desde quando não cause constrangimento a ninguém,
    Causar constrangimento também é crime, já que as pessoas que não gostam de ver tais senas no ambiente onde estão com filhos parentes e amigos, nosso livre arbítrio também tem que ser respeitado,não condenar o ato não nos nos obriga a ver tais senas e ficarmos constrangidos,oprimidos e calados.
    Acho que eles podem sim fazer o que bem entendem mas que procurem ambientes onde todos que estão participando gostem e estejam participando pois assim quem não gosta com certeza passará bem longe e tudo ficará bem para ambas as partes.

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.