Gincanas recreativas – Dinâmicas e brincadeiras


Quem nunca participou de uma gincana? Divertidas e movimentadas, até quem não tem muita disposição ou é tímido acaba entrando na onda. Geralmente, as gincanas levam um dia inteiro ou dois, até ser anunciada a grande equipe vencedora. Quem quiser juntar os amigos ou mobilizar sua escola para realizar uma bela gincana, mobilize-se. E siga as dicas de brincadeiras e desafios abaixo para garantir a diversão de todo mundo!

– Caça ao tesouro: os jovens são divididos em grupos de no mínimo 4 e no máximo 6 componentes. Pistas são espalhadas por um lugar preferencialmente amplo e o desafio é decifrá-las até encontrarem o tesouro;

– Aniversário: A missão desta vez é trazer alguma celebridade local que esteja fazendo aniversário justo no dia da gincana. Observação: o aniversariante tem que trazer, obrigatoriamente, a carteira de identidade para comprovar;

– Concurso de fantasias: Um componente de cada equipe é escolhido para participar de um desfile de fantasias. A mais original vence;

– Troca de sexos: Os meninos se vestem de mulher e participam de um desfile. É avaliada maquiagem, cabelos (ou peruca), roupas, acessórios e o jeito de caminhar. Vence a equipe cujo componente estiver melhor caracterizado e convincente;

– Se a gincana for escolar, é sorteado um tema sobre alguma disciplina (história, geografia, ciências etc) e a equipe tem que fazer uma explanação sobre o assunto. Todos têm quem falar. O tempo para preparar a aula é de dez minutos e a aula propriamente dita entre sete e dez minutos;

– Dança: escolhidos dois componentes de cada grupo para juntos dançarem um ritmo, de livre escolha. Pode ser salsa, pagode, tango, samba… A melhor dupla vence.

– Música: Um componente é escolhido para cantar qualquer música de sucesso que esteja atualmente tocando nas rádios. Pode ser em qualquer idioma. O detalhe é que não deve haver nenhum acompanhamento musical, somente a voz do “cantor”. O mais afinado é o vencedor.
E boa gincana!

Comente no Facebook

Comente