Foliculite – Prevenção e tratamento

Usar por um tempo prolongado calças apertadas, especialmente jeans, está entre um dos grandes fatores que ocasionam a foliculite, que são aquelas bolas vermelhas, que podem ou não ter pus, que surgem principalmente nos glúteos e na virilha, o que causa um grande desespero entre as mulheres.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Saiba que a foliculite é uma infecção ocasionada por bactérias e ao usarmos roupas mais grossas, a nossa pele não consegue respirar da maneira adequada e é aí que as bactérias tiram proveito dos pelos encravados. As bolinhas que aparecem como sinais da foliculite também podem surgir por causa da depilação com lâmina ou com cera e nesses casos, a inflamação não é ocasionada pelas bactérias e por isso mesmo é denominada como pseudofoliculite.

O tratamento para a foliculite necessita ser realizado com a orientação de um profissional, que receita antibióticos em comprimidos ou ainda para serem aplicados na região afetada pela inflamação. Saiba que os ácidos salicílico, retinóico e glicólico são usados para o tratamento da foliculite. Esses medicamentos atuam na melhoria da aparência da pele e ainda tratam os quadros mais graves do problema.

Para prevenir a foliculite o ideal é deixar a sua pele respirar. Procure não usar roupas mais justas e com tecidos grossos frequentemente, especialmente no verão. A esfoliação ajuda a prevenir a foliculite e deve ser realizada toda semana. Se a sua pele estiver irritada, o ideal é não esfoliar a pele para não agredí-la ainda mais. Utilize cremes que contenha ácido glicólico ou ureia em sua formulação.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.