Facebook lança ferramenta que promove post pessoal através de pagamento

O serviço, que ainda está em fase de teste, custará cerca de US$ 2 para dar destaque a cada post.

Em média, cerca de 20% dos seus amigos no Facebook veem as suas atualizações de status, mas isso pode acabar, já que a rede social está testando um novo recurso que ajudaria a garantir que mais pessoas vissem o que você está postando.

Nomeada Highlight (significa “destaque”), a nova função do Facebook está sendo testada inicialmente na Nova Zelândia, país escolhido para a realização do experimento. De acordo com o site Stuff.co.nz, os posts pagos, que custam US$ 2 cada, recebem destaque na timeline do usuário pagante.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Na semana passada, a porta-voz da BBC, Mia Garlick – representante do Facebook – confirmou o uso da ferramenta como sendo um dos diversos testes a ser colocado em prática pela rede social.

Garlick ainda afirmou que a empresa sempre está desenvolvendo e experimentando novas funções que possam resultar no interesse dos usuários, melhorando assim, suas experiências dentro do site. Além dessa ferramenta, o Facebook também cogita outros valores de atualização de status paga.

Segundo a página da Folha Tecnologia, o Facebook está buscando novas formas de monetizar seus serviços, além de que a rede social estaria se esforçando para se mostrar lucrativa antes da realização do IPO, um evento de ações de oferta pública, que acontece essa semana.

Como funciona a ferramenta:

O usuário paga em média 2 doláres para que seu post fique por mais tempo no topo da timeline de seus amigos. Este post não é visualmente diferente dos outros, ou seja, não fica marcado ou sublinhado. Outra informação é que o serviço só estará disponível aos usuários, não poderá ser aderido às empresas presentes na rede.

Ainda não há informações de quando o recurso será disponibilizado para os demais usuários ao redor do mundo, por enquanto a ferramenta continua em teste na Nova Zelândia, no qual os usuários podem pagar pelo serviço através do PayPal ou cartões de crédito.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.