billig forbrukslån | forbrukslånhjelpen | forbrukslån på dagen

Dicas para usar melhor o cartão de crédito

Os juros estão caindo, mas o parcelamento no cartão de crédito ainda é muito alto. Confira algumas dicas para torná-lo um aliado, e não um inimigo.

Com a expansão da classe média e o aumento do consumo, o cartão de crédito vem sendo cada vez mais usado. Praticamente todos os estabelecimentos comerciais aceitam esta forma de pagamento, e até camelôs trabalham com máquinas sem fio para não perder os clientes. Mas é preciso saber usar melhor o cartão.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

No entanto, se o volume de compras cresce, a inadimplência também segue o mesmo caminho, e ficar com o “nome sujo na praça” pode atrapalhar até na hora de conseguir um emprego; várias empresas consultam os cadastros do SCPC e Serasa e recusam candidatos que tenham dívidas não negociadas. Além disso, os inadimplentes não podem fazer crediário, tomar empréstimos ou abrir contas bancárias.

Para começar, tenha apenas um cartão de crédito, com vencimento próximo à data do seu pagamento. Os bancos costumam aumentar exponencialmente os limites de compras, que às vezes ficam maiores que o próprio salário. Pague sempre o total das faturas mensais; fazer o pagamento mínimo é fazer caridade com banqueiros: no mês seguinte, a dívida vai estar no mesmo valor. Isto se você não comprar mais nada.

Verifique os benefícios oferecidos pela administradora do cartão de crédito. Geralmente, a primeira anuidade é grátis, mas é possível negociar um desconto ou até isenção das anuidades seguintes. Algumas administradoras oferecem planos com pontuação, que pode ser trocada por mercadorias e serviços, mas quase sempre as tarifas são mais altas e os prêmios não são compensadores.

Tome cuidado com compras parceladas, mesmo que os valores sejam mínimos. É comum as pessoas fazerem várias pequenas compras que, somadas, são uma tremenda dor de cabeça.

Confira suas despesas mensais e estipule um valor para as compras com cartão de crédito. Tente não exceder esse teto. Quando atingi-lo, simplesmente guarde o cartão numa gaveta e só volte a procurá-lo no mês seguinte. Controle as despesas na fatura eletrônica, disponibilizada na internet.

Se você se descontrolar e fizer compras acima da sua capacidade de pagamento, vá ao banco e negocie. As taxas de empréstimos pessoais são bem mais baixas que os juros cobrados pelo cartão de crédito. Use o valor obtido para quitar a dívida e só volte a usar o cartão depois que as parcelas do empréstimo estiverem pagas.
Se isto voltar a acontecer, pode ser que você seja um consumidor compulsivo. Neste caso, é preciso buscar tratamento.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

01 Comentário

  • HIPERCARD,E O PIOR CARTAO DE CREDITO QUE SE PODE NEGOCIAR,O ATENDIMENTO E PESSIMO,E POR CAUSA,DE ERROS COMETIDOS POR ELES MESMO,ESTOU PAGANDO UMA DIVIDA DE TRES MIL REAIS SEM PODER,E ISSO PORQUE EU QUIZ DIVIDI UMA FATURA DE MIL REAIS EM 18 VEZES,ACABEI ME COMPLICANDO,POR ERRO DELES.

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.