Dicas para prevenir o famoso corrimento vaginal

Quantas mulheres já não sofreram ou sofrem com o corrimento vaginal, um incômodo desagradável. Aquela calcinha úmida, que incomoda você durante todo o dia de trabalho ou estudo.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Esse aumento da umidade vaginal, associada ou não à irritação, coceira, ardência ou odor, pode ser evitado com algumas medidas bem simples.

Quando o corrimento apresenta uma secreção com odor forte é importante procurar um médico, pois pode ter fungos e bactérias que estimulam as células da vagina e o colo do útero a produzir esta secreção.

Já se a umidade é sem cheiro, não coça e tem uma cor translúcida, parecendo uma clara de ovo, é normal. O importante é seguir as dicas que daremos mais adiante que diminuirão esta umidade.

Se esta umidade vier junto com ardor, coceira e uma secreção esbranquiçada, provavelmente a mulher estará com candidíase, o tratamento é feito com remédios e cremes, por isso é preciso procurar o médico.

Por fim, os hábitos simples que você deve adotar para evitar estes corrimentos são:

1- Dormir sem calcinha, para diminuir o calor da vagina;

2- Comprar calcinhas de algodão, este tipo de tecido esquenta menos que os sintéticos, por isso o fungo ou bactéria têm uma menor tendência de se proliferar;

3- Usar sabonetes íntimos no banho, para manter a flora vaginal normal e equilibrada;

4- Não usar roupas apertadas, aumenta a produção do calor e tornam a vagina um bom meio de proliferação desses fungos.

5- Não deixar a calcinha pendurada no banheiro, porque pode causar a proliferação de fungos na lingerie.

Adotando estas dicas você estará evitando o incômodo do corrimento, tão comum entre as mulheres.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.