Dicas para aliviar os sintomas da menopausa

Mudanças bruscas de humor, calores excessivos, falta de desejo sexual: pode ser a menopausa chegando.

Confira algumas dicas simples para aliviar os sintomas da menopausa.

As mulheres começam a menstruar por volta dos 12 anos, quando os ovários começam a liberar óvulos para serem fertilizados. O organismo feminino se preparar a possível gravidez, formando o endométrio uterino. Se a mulher não concebe no período, o óvulo se degenera e é expelido com o endométrio, muco e sangue. Isto acontece durante quase toda a vida adulta, de quatro em quatro semanas.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Entre os 45 e 55 anos, porém, os ovários param de trabalhar. Toda mulher nasce com uma cota de óvulos. A menopausa significa que estas células se esgotaram, ou que a produção de estrogênio diminuiu a níveis que impedem a operação dos ovários. A seguir, relacionamos algumas dicas para aliviar os sintomas da menopausa.

Calores excessivos: estudam indicam que 80% das mulheres experimentam períodos de calor repentino, com aumento da transpiração. Esteja preparada: use roupas que você possa desabotoar ou retirar com facilidade. Se o local for adequado, borrife ou passe um pano úmido na região e lave o rosto com água em abundância. O organismo vai entender que precisa baixar a temperatura corporal. Há pequenos ventiladores a pilha, que podem ser carregados na bolsa. Café e bebidas alcoólicas parecem estar relacionados a estas ondas de calor. Evite o álcool e reduza os cafezinhos (mas não deixe de tomá-los, ou troque por um chá cafeinado: a ausência de cafeína no organismo aumenta a excreção de cálcio, cuja carência é uma das causas da osteoporose).

Mudanças bruscas de humor: os hormônios descalibrados respondem por tristezas súbitas e momentos de intensa agitação. Mude a rotina: pratique exercícios, aprenda algo novo, altere os caminhos por onde costuma seguir. Os exercícios aeróbicos (caminhar, correr, pedalar) melhoram o quadro geral de saúde, além de reduzir a fadiga. Se precisar, procure ajuda: ginecologistas, terapeuta e grupos de apoio. Vários hospitais públicos mantêm grupos para mulheres na menopausa.

Relações sexuais dolorosas: as alterações hormonais desta fase afinam a mucosa vaginal e reduzem a lubrificação. Algumas vezes, o prolongamento do coito estimula a lubrificação natural, mas na maioria dos casos é necessário utilizar um produto farmacêutico. Procure a posição mais confortável. Muitas mulheres relatam que ficar por cima do parceiro melhora bastante a relação sexual. Não deixe de fazer sexo, a não ser por recomendação médica: a abstinência sexual piora o quadro.

Riscos de doenças coronarianas: a redução do estrogênio está relacionada a uma tendência de elevação do colesterol. Por isso, o cardápio deve ter pouca gordura, muitas frutas, verduras e grãos, que proporcionam sensação de saciedade.

Pode parecer interminável, mas como toda fase, um dia chega ao fim. Mulheres que se preparam para diminuir seus sintomas saem da menopausa mais fortes e autoconscientes.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.