Conde Saint Germain: Conheça a lenda de sua imortalidade

Saiba a história de um homem que virou lenda por sua imortalidade

Conde de Saint Germain foi um personagem marcante da humanidade, e que até hoje se houve relatos de sua imortalidade. Dizem que ele descobriu o elixir da juventude e a pedra filosofal. Virou mito entre várias organizações místicas. O fato é que sua personalidade sempre foi misteriosa, e seu carisma e poder de persuasão, faziam dele figura presente em festas e eventos importantes da monarquia europeia. Sempre impressionava os poderosos e as pessoas pela quantidade de pedras preciosas que transportava consigo. Suas aparições sempre foram causa de espanto e de relatos de feitos extraordinários.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Alguns historiadores relatam que Saint Germain nasceu na Transilvânia em 28 de Maio de 1696, mas sua data de nascimento é incerta, alguns historiadores apontam que o conde seria filho de Francis II Rákóczi, o príncipe da Transilvânia, outra divagação diz que seria filho ilegítimo de Marie-Ann de Neubourg, viúva de Carlos II da Espanha, com um certo conde Adanero, que ela conhecera em Bayonne, outros ainda dizem que era filho ilegítimo do rei D. João V, fruto da ligação com uma freira de Odivelas.

O certo é que em sua vida foi marcada por ser um grande místico, alquimista, ourives, lapidador de diamantes, cortesão, aventureiro, cientista, músico e compositor.

Sua primeira grande aparição publica teria sido em 1745 em Edimburgo, adquirindo fama de ser um grande violinista e compositor. Em 1758 reapareceu na cidade de Versalhes, na França, se apresentado como ourives, lapidador e como fabricante de tecidos que nunca desbotavam. Nessa época começou a intrigar todas as pessoas que conhecia, pois as presenteava com diamantes. Tais qualidades faziam com que inúmeras lendas fossem criadas sobre sua idade. Alguns místicos afirmavam que ele possuía séculos de idade.

Em 1760 foi para a Inglaterra, e sua fama começou a incomodar os poderosos, que tentaram prendê-lo. Começou então a viajar por toda a Europa, e reaparecia em eventos importantes da monarquia. Esteve nos Países Baixos, em São Petersburgo na Rússia onde foi acusado de conspirar contra o imperador russo e destitui-lo do poder colocando Catarina, a Grande no trono.

No ano seguinte foi para a Bélgica, e sua fama adquiriu tal magnitude que teve que mudar de nome para adquirir terras. Comprou terras na Bélgica com o nome de Surmount. Tentou participar do poder oferecendo ao primeiro ministro Karl Cobenzl, uma técnica diferenciada de tratamento de madeira e couro. E intrigou a todos numa demonstração em que transformou um pedaço de ferro em algo com a aparência de ouro.

Depois disso, desapareceu por alguns anos, e reapareceu novamente na Baviera, em 1776 sob o nome de Conde Welldone. Apresentava-se como vendedor de cosméticos, vinhos, licores e vários elixires. E novamente fez demonstrações de sua capacidade de transmutação de simples metais em ouro. Nessa época, também se apresentava como pertencente a maçonaria.

Posteriormente se estabeleceu na residência de Karl de Hesse-Kassel governador de Schleswig-Holstein, um estado alemão, onde se apresentou como Francis Rákóczi II, príncipe da Transilvânia. Nesta época, começou a elaborar remédios e distribuir aos pobres.

Relatos históricos davam conta que sua aparência sempre fora única e marcante e que sempre aparentava ser um homem de 45 anos de idade. Pessoas importantes da história europeia relatam em livros terem se encontrado com conde Saint Germain em eventos importantes como no funeral do Duque de Berri em 1815, aparições em eventos públicos em 1835, em Paris e em 1867 em Milão. Teosofistas como Annie Besant afirmam ter se encontrado com o conde em 1896 e C. W. Leadbeater também disse ter se encontrado com ele em Roma, em 1926. Um piloto americano, fez um pouso forçado com sua aeronave nas montanhas isoladas do Tibet em 1932, e disse que um monge que se dizia conde de Saint Germain havia tratado de suas feridas e mandou que o piloto avisasse que em breve estaria na França novamente.

O fato é que pessoas importantes alimentaram a lenda da imortalidade desse homem e que até hoje suas aparições tem sido comentadas por historiadores trazendo conflitos e contradições. Mas a sua existência é confirmada e sua fama atravessou séculos, se tornando um dos personagens históricos mais intrigantes da humanidade.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.