forbrukslån | forbrukslån | refinansiering forbrukslån

Como prevenir as rugas

É possível evitar, mas é preciso começar cedo. Confira algumas dicas para prevenir as rugas.

As rugas são vincos que são formam na pele humana. São de dois tipos: as linhas de expressão, criadas com a repetição constante de certos movimentos faciais (como apertar os olhos ou franzir a testa), e as linhas de idade, processo natural decorrente do envelhecimento, determinado pelo afrouxamento dos músculos e pela redução da produção de colágeno, proteína responsável pela sustentação celular. A partir dos 30 anos, esta produção decai 1% a cada ano. Mas, com dieta, exercícios e tratamentos estéticos, é possível prevenir as rugas, ou ao menos retardar seu surgimento.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

O desgaste do organismo é uma evidência: não é possível impedir que, com o avanço da idade, todos os tecidos sofrem alterações: pele e ossos (inclusive o crânio) se tornam mais finos, a camada de gordura sob a pele diminui e a própria gravidade provoca seus efeitos: pálpebras, orelhas, os cantos da boca e a ponta do nariz cedem e a musculatura usada para falar, rir e chorar contribui para criar rugas permanentes.

Mas nem todos os fatores são inevitáveis. O principal vilão da pele firme e lisa é o Sol. Esticar-se na praia sob raios ultravioleta não é nada saudável para a pele. O uso diário do protetor solar (bloqueador, no caso de peles mais claras e delicadas), com as reaplicações recomendadas pelo fabricante, é fundamental desde o começo da vida. Dos 20 anos em diante, torna-se imperativo. Existem produtos indicados especificamente para os lábios e pálpebras.

Use óculos escuros ao sair ao Sol. Escolha modelos com proteção anti-UV. A exposição à luz excessiva obriga instintivamente a contração das pálpebras e da testa e estas caretas aceleram as rugas nestas regiões. Nos dias mais quentes, não se envergonhe de usar uma sombrinha ou chapéu de abas largas quando tiver que ir à rua.
Acostume-se a dormir de barriga para cima. A pressão do travesseiro sobre a lateral do rosto pode causar as chamadas “marcas do sono”, que, com o tempo, podem se tornar rugas. Nos homens, as têmporas são mais prejudicadas, enquanto, nas mulheres, as bochechas sofrem mais.

Como todo o mundo sabe, o cigarro é responsável por dezenas de problemas de saúde: um deles é o surgimento de rugas. O problema não é apenas estético. Ele prejudica funções vitais, como a transpiração e a respiração celular. Estudos indicam que o vício aumenta em até cinco vezes as probabilidades de envelhecimento precoce do rosto, em especial da região dos olhos.

As variações de temperatura, o ar seco e a poluição apressam o aparecimento das rugas. Para evitar o comprometimento, aplique um hidratante facial diariamente, indicado para seu tipo de pele. Cremes anti-idade, especialmente os formulados a base de ácidos retinoico e glicólico, são recomendados ainda na terceira década de vida.

Na hora de tirar as sobrancelhas, a cera quente deve ser evitada, porque aumenta as chances de pálpebras caídas no médio prazo. A maquiagem excessiva deve ser evitada: muitos produtos impedem a respiração e contribuem para o envelhecimento. Se for necessário o uso diário, dê preferência aos cosméticos minerais, sem conservantes, corantes e fragrâncias, mas tome cuidado: os tons são mais fortes, o que pode resultar num look muito carregado.

Os peelings – químicos ou a laser – contribuem para promover gradualmente a renovação celular, a eliminação de manchas e a atenuação das rugas. Ao promover a esfoliação, os peelings fortalecem a produção de colágeno e melhoram a aparência geral do rosto.

A toxina botulínica e os preenchimentos com ácido hialurônico ou polimetil metacrilato são indicados a partir dos 30 anos, com recomendação do cirurgião plástico ou dermatologista, de acordo com as condições do paciente. O principal problema é que estes procedimentos tendem a ter que ser realizados em intervalos cada vez mais curtos, para garantir a aparência jovial.

Por fim, é sempre possível recorrer às cirurgias plásticas. São procedimentos invasivos, que requerem exames pré-operatórios e um período de recuperação de até 15 dias, além de restrições a banhos de Sol e a atividades físicas. O importante, quando se atinge certa idade, é saber envelhecer com beleza e elegância. Depois dos 50 anos, buscar uma aparência de 20 só vai trazer resultados ridículos. Cuidar da saúde e manter tratamentos estéticos e cosméticos garantem um rosto agradável e, nesta fase da vida, as rugas conferem um ar mais digno e experiente.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.