forbrukslån på dagen | refinansiere kredittkortgjeld | forbrukslån

Como organizar uma festa infantil

Comemorar as datas importantes da família é sempre especial. Conheça algumas dicas para organizar uma festa infantil.

A vida segue uma lógica rigorosa: crescer, namorar, casar, ter filhos. São fatos marcantes, que mudam a nossa trajetória, e devem ser comemorados com muito estilo. Mas muita gente tem dúvidas sobre como organizar uma festa infantil, e a ansiedade aumenta à medida que a data do aniversário das crianças vai se aproximando. É preciso que a festa saia da forma como foi imaginada, sem erros, propiciando satisfação aos convidados, anfitriões e, claro, à personagem principal: o aniversariante.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Para isto, é preciso um bom planejamento: local, decoração, tempo para distribuir os convites, cardápio (quantidade e qualidade dos comes e bebes), animação, música ambiente, fotografias, lembrancinhas. Tudo depende da disponibilidade financeira: uma festa infantil pode ser inesquecível, seja com apenas um bolo, a família, parentes e amigos próximos, seja um grande evento. Vamos falar sobre como organizar uma grande festa infantil; assim, o orçamento familiar define os itens que podem ser integrados.

Vai rolar a festa

O primeiro passo do planejamento é definir o local da festa: em casa, no salão de festas do prédio, na escola (apenas para os coleguinhas de classe), no jardim, em um parque, em um buffet. Em geral, uma festa com animações – atores caracterizados como personagens de desenhos ou quadrinhos, mágicos, palhaços, etc. – não “funciona” bem em residências, a menos que haja espaço suficiente para organizar diferentes ambientes, inclusive para os adultos.

É preciso certificar-se de que o local seja equipado com cozinha e banheiros, espaço suficiente para que os filhos possam brincar e os pais e familiares, conversar.

A decoração

É preciso definir um bom tema: super-heróis, carros, princesas, o desenho animado “da moda”. Muita calma nesta hora: o tema deve agradar ao aniversariante, e não a você. É muito comum, em festas de irmãos com aniversários próximos, unir a festa com dois ou três “parabéns a você”: é prático e econômico.

Mas, nestes casos, é muito difícil encontrar um tema que agrade a todas as crianças: a menina quer Cinderela, Branca de Neve e a Bela Adormecida, enquanto o menino quer os heróis do momento. Mesmo quando as crianças são do mesmo sexo, a diferença de idade – que sempre é gritante durante a infância, mesmo que seja de apenas um ou dois anos – geralmente impede um tema comum. Assim, opte pelo tema básico: balões, toalhas de mesa coloridas, mescle o azul com o rosa e está tudo resolvido. Faça uma lista do material necessário, para não correr o risco de chegar em casa e descobrir que faltou algum item.

Os convites

Faça a lista de convidados com antecedência, para não esquecer ninguém. Lembre-se de que as festas marcadas em feriados prolongados e durante as férias costumam atrair menos pessoas, já que muitos estão viajando na data.

Os convites da festa devem fazer menção ao tema escolhido, mas não precisam “entregar” as surpresas do evento. Assim, se foi escolhida uma “festa de astronautas”, o convite pode ser ilustrado apenas com o lançamento do foguete. Reserve um tempo razoável para convidar as pessoas. Para parentes e amigos próximos, é apenas uma formalidade: eles já sabem da festa e estão se organizando para isto. Os menos chegados, no entanto, precisam ser convidados com antecedência. Aproveite a internet para chamar os convidados, mas não use convites abertos em redes sociais: os indesejados saberão da festa.

Parece óbvio, mas muitas pessoas fazem convites omitindo a data ou o local da festa. Preparam belas mensagens para os convidados, capricham na arte, mas se esquecem de informações básicas, especialmente nestes tempos de conexão total e muita rapidez na troca de informações. É preciso revisar atentamente antes de enviar: data, horário e endereço são dados fundamentais.

Doces e salgados

Em buffets, é possível fazer uma degustação para escolher o cardápio da festa, mas algumas iguarias não podem faltar: entre os salgados, coxinhas, empadas, bolinhas de queijo, são clássicas; nos doces, brigadeiros, beijinhos, cajuzinhos e olhos de sogra não podem faltar. Os docinhos com pasta americana estão em alta e ajudam na decoração. Não se esqueça: ao contratar um buffet, exija um contrato detalhado.

Para o bolo, calcule que apenas metade irá comê-lo: 70 gramas por convidado são mais que suficientes. Para os adultos, calcule 12 salgados e cinco doces. Para as crianças, seis salgados e seis doces. Se optar por canapés em lugar dos salgados, a quantidade dobra.

Aproveite para surpreender com os minissalgados. Existem opções de hambúrgueres e hot-dogs que podem ser devorados em apenas uma bocada (por um adulto) e fazem a diferença na festa. Carrinhos de pipoca e algodão-doce também tornam o evento especial.

Defina o cardápio de acordo com o horário. Se for um almoço, é preciso oferecer opções para os convidados, como massas, carnes e peixes. Mesmo em um churrasco, é preciso se lembrar dos amigos vegetarianos. As bebidas também precisam ser variadas: água, refrigerantes, sucos e cerveja normalmente dão conta do recado (tome cuidado com a refrigeração), mas algumas batidas leves podem fazer a alegria dos adultos. Crianças bebem quatro copinhos e adultos, cinco copinhos, além de uma lata e meia de cerveja.

A roupa do aniversariante

O aniversariante é o centro da festa: todos querem vê-lo, especialmente os parentes mais distantes. Por isto, ele deve estar bonito e atraente. Mas ele é também uma criança, com muita energia. Assim, as roupas e calçados devem ser confortáveis: ele vai correr, pular, até rolar no chão, e nada pior do que chegar no momento do bolo com uma roupa formal totalmente descomposta.

Vale o mesmo para os convidados. Registre no convite que o traje da festa é totalmente informal.

Fim de festa

Organize as lembrancinhas com antecedência. Dependendo do modelo e quantidade, leva um tempo para a encomenda ser entregue. Se preferir fazer em casa, organize-se para comprar o material e reserve tempo para a confecção. Reunir as crianças para produzir as lembranças pode ser uma atividade bem divertida, mas tesouras e estiletes devem ficar nas mãos dos adultos.

Fotos e filmagens devem ficar a cargo de um profissional ou de um amigo da família. Os pais precisam de tempo para conversar com os convidados e organizar o andamento da festa. Assim, garante-se um bom registro da festa.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.