Comer frutas cítricas ajuda a evitar o derrame

A vida agitada, a falta de cuidado com alimentação e o sedentarismo vem cada vez mais aumentando o número de casos de derrame no país. As mulheres estão cada vez mais sendo vítimas.

Um estudo divulgado pela revista Associação Americana do Coração mostrou que compostos presentes em frutas cítricas podem ajudar a reduzir o risco de derrame em mulheres. Um estudo feito com mais de 69 mil mulheres britânicas mostrou este resultado.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

As mulheres foram analisadas de acordo com sua alimentação, cada grupo de mulheres consumiram um diferente tipo de alimento. As mulheres que consumiram frutas cítricas tiveram uma redução de mais de 20% no risco de ter um derrame, em comparação as mulheres dos outros grupos de alimentos.

O principal alimento que traz este tipo de composto, os chamados flavonoides, é a laranja tanto como fruta como em formato de suco. Os pesquisadores alertam que a melhor forma de consumir estes flavonoides é no formato de fruta, e não nos sucos industrias, estes contém muito açúcar.

Outras pesquisas em países como Suécia já haviam mostrado a relação das frutas cítricas com a diminuição do risco de derrames. Segundo os nutricionistas, uma mulher deve consumir no mínimo 3 porções de frutas ao dia. O recomendável é que estas porções se iniciem pela manhã, já na hora de tomar o café da manhã. Depois coma uma fruta entre o café da manhã e o almoço e por fim, outra entre o almoço e jantar.

Pelo menos uma das 3 porções deve ser de uma fruta cítrica, atenção que um copo de 300 ml de suco, natural, já é considerado uma porção de fruta. Para as que estão em dieta e precisam emagrecer, é recomendável não abusar do suco de laranja por ser muito calórico, prefira a fruta.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.