As maiores descobertas da medicina

Descubra quais foram as descobertas médicas que facilitaram a nossa vida e possibilitaram o diagnóstico, a prevenção e a cura de diversas doenças.

As descobertas da medicina, ao longo dos séculos, vêm contribuindo incessantemente para a prevenção de doenças, novos tratamentos para enfermidades antes consideradas incuráveis, novas formas de exames possibilitando a descoberta através de diagnósticos antes impossíveis de se chegar e tantos outros avanços que facilitam a condição de doentes e permitem que o ser humano tenha uma vida prolongada e com qualidade podendo desfrutar de tratamentos e medicações cada vez mais avançados e adaptados a necessidade do organismo. As maiores descobertas da medicina revolucionaram este campo profissional e a nossa vida. Veja quais foram as mais significativas no nosso ranking:

maiores-descobertas-medicina

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

10. Transplante de órgãos

Quando descoberta a possibilidade de se transplantar órgãos o único possível de passar por este procedimento era o rim, hoje já se pode transplantar diversos outros órgãos como: pulmão, fígado, medula óssea, coração e com os avanços da medicina, logo outros órgãos também poderão passar por este processo.

9. Avanços cirúrgicos

Com o auxílio de outras ciências médicas como a anestesia e a imunologia, entre outros, as cirurgias puderam avançar muito, podendo-se operar órgãos antes intocáveis como era o caso do coração.

8. Inseminação artificial

Com a descoberta da inseminação artificial (fecundação do óvulo em laboratório e implante do óvulo fecundado no útero) abriu-se caminho para outras possibilidades futuras como a alternativa do desenvolvimento do embrião fora do útero. A clonagem de animais e o uso das células tronco para o tratamento de doenças degenerativas surgiram a partir desta descoberta.

7. Engenharia genética

Esta descoberta deu início a um fato que possibilitou outras revelações promissoras, a determinação da estrutura do DNA. Além disso, a engenharia genética já contribui para o desenvolvimento de vacinas, hormônios e seu alcance se tornará ainda maior futuramente.

6. Fibro e videoendoscopia

Este progresso da medicina foi um enorme avanço nos métodos de diagnósticos, com ele foi possível visualizar imagens nunca antes obtidas. Duas décadas após a sua descoberta ela foi ultrapassada pela videoendoscopia, método usado hoje.

5. Técnicas de alta sensibilidade

Estas técnicas auxiliam no diagnóstico clínico, permitindo encontrar substâncias em concentrações imensuravelmente minúsculas no organismo.

4. Raio – X

Os diagnósticos feitos por imagens após a descoberta dos raios-x levaram a outros métodos como a ultrassonografia, a tomografia computadorizada possibilitando assim o diagnóstico de lesões não constatadas ou percebidas pelos métodos disponíveis anteriormente.

3. Composição de hormônios e vitaminas

Através da determinação da estrutura química dos hormônios foi possível sintetizá-los em laboratório o que determinou, por exemplo, a composição artificial da insulina e no campo das vitaminas possibilitou a prevenção e o tratamento de doenças causadas pela falta de determinadas substância encontradas nelas.

2. Antibióticos

Através do uso de antibióticos as taxas de mortalidade foram sensivelmente reduzidas para doenças como pneumonia, entre outras, que matavam muitas pessoas até o século IXX. A busca por novos tratamentos através de antibióticos é contínua por conta de bactérias que criaram resistência à substância.

1.Imunização Preventiva

Por meio da imunização em massa foi possível evitar diversas doenças mortais. O uso de vacinas eficazes foi, sem dúvida, a maior colaboração da medicina à saúde em relação à prevenção de enfermidades.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.