Alimentos importantes para depois do treino

Além de saber fazer os exercícios corretos, é fundamental caprichar na alimentaão para garantir bons resultados. Veja alguns alimentos para o pós treino.

Depois de um treino exaustivo na academia, é preciso repor as energias, certo? Mas não adianta comer qualquer coisa, porque é preciso saber escolher os alimentos certos. Você sabe o que pode ou não comer? Que tal conferir algumas para equilibrar a sua dieta após os treinos? Então leia o artigo e saiba em quais alimentos investir após o treino.

alimentos-importantes-depois-do-treino

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Depois de um treino pesado e pegar muito peso, a fome sempre aparece, certo? A alimentação depois de um treino intenso é fundamental porque é necessário repor os estoques de glicogênio, que caem depois da prática de atividade física. Assim, é preciso fazer com que os níveis subam novamente.

O consumo alimentar deve ser feito, pelo menos, nos primeiros 30 minutos depois da atividade física, porque é neste período que os músculos se recuperam de forma mais fácil. Mas, depois de um período maior, também é preciso comer carboidratos, proteínas e frutas, que são muito importantes. Neste caso, o consumo pode ser feito depois de 2 ou 3 horas de treino.

A alimentação do pós treino deve buscar associar proteínas e carboidratos. Algumas dicas são: iogurte mais fruta e aveia, ou até mesmo um sanduíche leve. Entre outros exemplos de alimentos destacam-se: batata, arroz, sopa de legumes, desde que o prato tenha também batata ou macarrão e proteína, que pode ser encontrada em ovo ou carne. Além disso, você pode comer também sanduíche natural com pão branco acompanhado de suco de frutas. Assim, há várias opções alimentares que você pode incluir na sua dieta depois de um treino pesado na academia.

Outro grupo alimentar que não pode faltar depois do treino é o antioxidante. Estes alimentos têm a função de bloquear a ação de radicais livres que são formados durante o exercício. Dentre alguns alimentos antioxidantes podem citar a vitamina E ( óleos, ovos, etc.), Vitamina C ( acerola, goiaba, caju, brócolis, etc.), zinco ( carne vermelha, fígado, etc.), Selénio ( castanha do pará, aves, carne vermelha, grãos de aveia, arroz integral, etc) Ácido graxo ômega-3 ( salmão, atum, óleo de linhaça, etc).

O excesso de proteína também é convertido em energia e gordura, ou seja, não adianta apenas exagerar na proteína, é preciso fazer os exercícios físicos recomendados. Antes de iniciar qualquer dieta procure um nutricionista, para que ele possa te orientar e montar um cardápio alimentar de acordo com as suas necessidades. Gostou das dicas alimentares para depois do treino?

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.