A bússola interna dos pássaros

Como os pássaros conseguem viajar por milhares de quilômetros e ainda assim encontrar o caminho de volta?

Os pássaros vivem em sociedade e até possuem parentes. Mesmo pássaros de espécies diferentes podem conviver em harmonia e encontrar no grupo proteção, o que lhe possibilita maiores chances de sobrevivência, já que não estão mais sozinhos. Os pássaros se alimentam basicamente de sementes e frutas encontradas na natureza e constroem seus ninhos, preferencialmente, em matas e florestas, mas não é nada difícil avistar ninhos em cima de árvores e até mesmo muros, casas, feitos por pássaros que vivem nas cidades devido à devastação de seu habitat natural e é interessante observar que se os ninhos forem destruídos, eles serão reconstruídos da mesma forma e no mesmo local como seu nunca tivessem saído dali, sempre que os pássaros retornam de suas viagens em busca de alimentos.

Gosta de Curiosidades? Entretenimento? Vídeos legais? Clique para curtir o Blogadão

Os pássaros migram todos os anos e retornam para o mesmo local e podem viajar por muitos e muitos quilômetros para realizar este feito, mesmo os filhotes, desde que já tenham condições de alçarem longos voos, também retornam ao seu lugar de origem. Essas longas viagens tem o objetivo de encontrar comida, clima mais agradável e um ambiente seguro para que possam se reproduzir. Mas o interessante é que determinados pássaros voam bem mais distante do que o que seria necessário para encontrar estes locais seguros, parecendo que preferem viajar mais, mesmo quando já estão em algum local agradável e favorável para sua reprodução. É o que acontece, por exemplo, com Andorinhas que vivem na Inglaterra e que se adaptam bem ao clima equatorial, mas que, mesmo assim, passam o inverno muito mais longe, na África do Sul, chegando a percorrem milhares de quilômetros a mais todos os anos em suas migrações e o fato é que os cientistas ainda não conseguem afirmar como os pássaros conseguem achar o seu caminho.

O curioso é que os pássaros parecem possuir uma bússola interna que os faz encontrar seu caminho. Sabe-se que algumas espécies voam por muitos dias, fazem paradas para se recompor e ao fazerem viagens tão longas, procuram se manter em rodovias formadas por correntes de ventos para que desta forma, não desperdicem energia. Os pássaros estão sempre em busca das correntes mais favoráveis.

Cientistas afirma que esta bússola interna dos pássaros seria a responsável por lhes mostrar o norte magnético, seria uma capacidade concernente somente a eles e além dela, os pássaros também usam o sol, as estrelas, a audição e o olfato para se orientarem, talvez a junção de todos esses fatores seja o que forma a sua bússola interna, pois eles são capazes até mesmo de corrigir rotas, mesmo que tenham se desviado dela por milhares de quilômetros. Os cientistas ainda não podem afirmar exatamente como funciona esta bússola interna, mas é impressionante observar como os pássaros conseguem juntar todos os dados que possuem com tanta eficiência para que consigam retornar ao seu local de origem. O mais incrível é que para que consigam realizar este feito, eles necessitam ter uma percepção precisa a cerca do tempo e da sua posição no espaço. A natureza é realmente sábia.

Siga-nos no Facebook
Receba atualizações do Blogadão no seu email,
ganhe brindes e participe de promoções!
É gratuito!

Comente no Facebook

Comente

Receba atualizações no seu email.
Participe de Promoções.